Sporting convoca obrigacionistas para votar adiamento do reembolso de dívida a 4 de maio. Vai pagar juros durante os seis meses

  • ECO
  • 12 Abril 2018

A SAD do Sporting convocou os obrigacionistas para adiar o reembolso da dívida. A assembleia geral será a 4 de maio, pelas 18h00.

A SAD do Sporting convocou os obrigacionistas para adiar o reembolso da dívida. Será na assembleia geral de 4 de maio, pelas 18h00, que os investidores vão votar este adiamento por seis meses, período durante o qual ficará garantido o pagamento dos respetivos juros.

Os credores vão ser chamados a votar a alteração da data de reembolso das obrigações de 25 de maio para 26 de novembro, segundo informou a sociedade leonina num comunicado enviado ao mercado esta quinta-feira, isto depois não ter conseguido um novo empréstimo de 30 milhões que iria refinanciar esta dívida.

Porém, apesar deste adiamento do reembolso por mais seis meses, os obrigacionistas vão manter as condições iniciais da oferta. “No que concerne ao pagamento de juros, os quais continuarão a ser devidos, calculados e pagos até à nova data de reembolso acima referida nos atuais termos e condições da Ficha Técnica, (…) haverá lugar ao normal pagamento semestral de juros, em 25 de maio de 2018 e em 26 de novembro de 2018“, indica a SAD sportinguista, afastando o cenário de incumprimento do contrato.

Estes títulos pagam juros todos os semestres. Apresentam uma taxa de juro bruta de 6,25% por ano — oferecendo, em termos líquidos de impostos, uma rentabilidade a rondar os 4,5% anualmente.

A SAD leonina garante que “é intenção do conselho de administração que o reembolso das obrigações seja efetuado com os fundos obtidos no âmbito de uma nova oferta pública de subscrição de obrigações, no valor de 30 milhões de euros”, numa emissão deverá apenas ter lugar no último trimestre de 2018 — a crise no clube veio travar a operação que estava para ser lançada agora em maio e cujo prospeto já estava até a ser analisado pela CMVM, como avançou o ECO esta quarta-feira.

O adiamento do reembolso das obrigações que foram emitidas há três anos deverá afetar mais de 4.000 credores.

Para a sociedade sportinguista, que é quem avança com a proposta, a alteração do prazo de reembolso “permitirá distanciar a referida nova emissão de ofertas obrigacionistas semelhantes que se prevê que venham a ser concretizadas durante o primeiro semestre de 2018, o que se julga será vantajoso para o sucesso e termos da nova emissão“.

(Notícia atualizada às 13h03, corrigindo a informação referente ao pagamento de juros)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Sporting convoca obrigacionistas para votar adiamento do reembolso de dívida a 4 de maio. Vai pagar juros durante os seis meses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião