Hoje nas notícias: Marcelo, hospitais e “Mini Davos”

  • ECO
  • 7 Maio 2018

Marcelo Rebelo de Sousa apela a um OE 2019 "aprovado", com a esquerda ou a direita. E o Movimento para o Interior propõe melhores salários para funcionários que vão para o Interior.

Esta segunda-feira começa com Marcelo Rebelo de Sousa na primeira página do Público e da Renascença a apelar à subida do salário mínimo, e com as cobranças nos hospitais sob escrutínio do Ministério da Saúde, na capa do Jornal de Negócios. O Correio da Manhã chama a atenção para fraudes relacionadas com a atividade bancária digital, e o DN/Dinheiro Vivo conta a história da conferência que quer ser uma nova Davos.

Marcelo quer Orçamento aprovado, não interessa se à esquerda se à direita

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, em entrevista ao Público e à Rádio Renascença, alerta que é necessário ter cuidado com o último Orçamento da legislatura, cuja negociação vai ser “mais exigente”. Para o Chefe de Estado a aprovação é obrigatória independentemente de ser feito com os partidos da esquerda ou com o PSD. Marcelo pede ainda “renovação e rapidez na Justiça para salvar o Estado de Direito. Por outro lado, o Presidente defende um salário mínimo superior a 600 euros, mas não o entusiasmam mais aumentos na Função Pública. Leia a notícia completa aqui. (Acesso condicionado)

“Mini Davos” chama investidores e líderes mundiais a Cascais

A conferência Horasis, em Cascais, traz a Lisboa empresários e investidores de todo o mundo para trocar cartões-de-visita, escreve o DN/Dinheiro Vivo. Este ano, o segundo em que se realiza este encontro, são mais de 600 os convidados, que incluem também investigadores académicos. Entre as palestras e o networking, a conferência que arrancou no sábado e continua até terça-feira quer ser uma espécie de nova Davos virada para o futuro. Leia a notícia completa aqui. (Acesso livre)

Contratos na saúde vão ser analisados pelo Centro de Conferência de Faturas

As faturas de contratos-programa do SNS com os hospitais e unidades locais de saúde, incluindo as PPP, passarão a ser analisadas pelo Centro de Conferência de Faturas, que verá ainda atentamente as faturas de transporte de doentes ou de farmácias hospitalares. O objetivo, segundo a Administração Central do Sistema de Saúde que falou ao Jornal de Negócios, é trazer “melhorias significativas e reduções dos tempos de conferência e regularização de pagamentos”. Leia a notícia completa aqui. (Acesso pago)

Funcionários que vão para o Interior poderão ter aumentos e melhores pensões

Entre as propostas do Movimento pelo Interior surge a deslocalização de 25 serviços públicos que se encontram atualmente em Lisboa para cidades do Interior do país, com data limite de 2032. Para incentivar a migração dos funcionários públicos para essas regiões, haverá incentivos como aumentos salariais e, por exemplo, progressões mais rápidas na carreira ou reformas antecipadas sem penalizações. O Movimento pelo Interior apresenta as suas propostas publicamente a 18 de maio. Leia a notícia completa aqui. (Acesso pago)

Piratas informáticos atacam através de aplicações falsas de operações bancárias

Na primeira página, o Correio da Manhã alerta para casos de fraudes informáticas em que os criminosos pedem às vítimas que descarreguem aplicações falsas relacionadas com operações bancárias na Internet. Essas aplicações tratam-se, na verdade, de software malicioso que pode, por exemplo, recolher a informação bancária da vítima. Leia a notícia completa aqui. (Acesso pago)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Marcelo, hospitais e “Mini Davos”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião