Deutsche Bank vai despedir sete mil trabalhadores

  • Lusa
  • 24 Maio 2018

Afinal, despedimentos no banco alemão vão atingir sete mil trabalhadores, anunciou esta quinta-feira a instituição.

O Deutsche Bank anunciou que prevê despedir pelo menos sete mil trabalhadores, a nível mundial, para enfrentar as dificuldades em que se encontra e tentar controlar os custos.

A instituição financeira alemã disse esta quinta-feira que vai reduzir a força de trabalho de 97 mil pessoas para “bem abaixo” dos 90 mil e que o processo já está em curso. Esta quarta-feira, o Wall Street Journal avançou que a medida poderia chegar aos dez mil postos de trabalho a serem cortados. Os despedimentos vão reduzir os custos em pelo menos 800 milhões de euros.

O Deutsche Bank tem vindo a enfrentar problemas relacionados com pagamentos além das questões levantadas pelas entidades reguladoras. O banco tem um novo presidente do conselho de administração desde abril, após três anos de prejuízos.

Christian Sewing, o novo CEO do banco, disse hoje que o banco vai voltar a focar-se nos clientes europeus e alemães e reduzir as operações de risco.

Sewing acrescentou que a instituição mantém os compromissos com as operações de investimento a nível internacional, mas tem de se “concentrar naquilo que realmente sabe fazer”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Deutsche Bank vai despedir sete mil trabalhadores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião