Santana Lopes rompe com Rui Rio

  • ECO
  • 26 Maio 2018

Santana enviou uma carta ao presidente do PSD e ao presidente do Conselho Nacional, invocando "razões pessoais e profissionais".

Pedro Santana Lopes renunciou ao lugar de conselheiro nacional, para o qual tinha sido eleito na lista comum com Rui Rio. De acordo com o Expresso [acesso condicionado], o candidato derrotado enviou uma carta ao presidente do PSD e ao presidente do Conselho Nacional, invocando “razões pessoais e profissionais”.

A carta, escreve o semanário, distancia-se de leituras que possam dar “significado político” a este gesto. Mas ele existe: é a rutura definitiva de Santana Lopes com Rui Rio, depois de três meses de afastamento progressivo.

Em fevereiro, os dois candidatos às diretas entraram juntos no congresso — e mais juntos saíram, já que houve acordo para a apresentação de uma lista conjunta ao Conselho Nacional, liderada por Santana Lopes, escreve o jornal. E é a este cargo que agora renuncia.

De acordo com fonte próxima de Santana Lopes, “aquele espírito de pacificação nunca teve consequência nem conteúdo”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Santana Lopes rompe com Rui Rio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião