Rumo ao IPO, Sonae vende retalho como “proposta de investimento sólida” com muito para crescer em Portugal

A Sonae quer colocar o negócio do retalho em bolsa. E está a fazer apresentações a potenciais investidores, defendendo a empresa como uma "proposta de investimento sólida".

A Sonae quer colocar mais uma empresa em bolsa. Está a preparar a oferta pública inicial (IPO, na sigla inglesa) do negócio do retalho, estando já a realizar contactos com investidores. Numa das apresentações, enviada à CMVM, a empresa co-liderada por Paulo Azevedo aponta este negócio como uma “proposta de investimento sólida”. Valoriza a liderança em Portugal, mas diz também que há muito para crescer.

É uma “oportunidade única de obter exposição direta ao mercado de retalho alimentar português”, defende a Sonae na apresentação disponibilizada aos investidores, através do site do regulador. E salienta a posição de liderança que este negócio tem em Portugal, com “uma quota de mercado de 22%”. É “um dos mercados com maior crescimento na Europa”, tendo uma “taxa de penetração abaixo da média”.

A “ampla rede de formatos de retalho alimentar em localizações urbanas, complementada por plataforma digital diferenciadora [com uma quota de mercado de 70%]”, é outro dos pontos fortes utilizados pela empresa para atrair investidores. São, ao todo, 697 lojas geridas pela Sonae, em que mais de 40% dos ativos imobiliários são detidos pela Sonae MC”.

Além disso, é uma empresa com um “perfil financeiro sólido”. Conta com receitas de cerca de 4,1 mil milhões de euros, bem como um EBITDA de cerca de 303 milhões, refere a Sonae, notando que as margens geradas pelo negócio estabilizaram após anos de fortes investimentos. E apesar de sublinhar que existe um forte plano de expansão, mostra que o investimento está a abrandar.

Por último, a empresa co-liderada por Paulo Azevedo salienta a estratégia de crescimento bem delineada, sendo esta “executada por uma equipa de gestão extremamente experiente”, como um atrativo para os potenciais investidores neste negócio que em breve será colocado em bolsa através de uma operação destinada exclusivamente a institucionais. Ou seja, não haverá oferta para pequenos investidores.

(Notícia atualizada às 8h51 com mais informação)

Comentários ({{ total }})

Rumo ao IPO, Sonae vende retalho como “proposta de investimento sólida” com muito para crescer em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião