Criador da Vespa lança robô que deixa as pessoas de mãos a abanar

  • ECO
  • 12 Junho 2018

Consegue carregar até 19 quilos e promete levar-lhes as malas até onde quiser. Basta acompanhar o seu dono uma vez porque o Gita aprende o trajeto à primeira, no dia seguinte vai lá ter sozinho.

Estar muito carregado para ir a pé é sempre um bom pretexto para utilizar o carro. Foi precisamente a pensar nisto que a Piaggio, a criadora da icónica Vespa, desenhou o Gita, um pequeno robô que o acompanha enquanto caminha e, ao mesmo tempo, transporta todas as coisas que poderiam dificultar a realização do percurso a pé. A esperança da empresa é incentivar a mobilidade pedonal e eliminar a necessidade de usar o automóvel para carregar coisas.

Os sensores do Gita permitem que o robô saiba qual a pessoa que deve acompanhar e como deve fazê-lo, de forma a caminhar ao seu ritmo. Além disso, os sensores conseguem detetar os outros peões, o que permite ao robô desviar-se. Só será preciso acompanhar uma vez a pessoa para que o Gita memorize o trajeto. Portanto, das próximas vezes o robô poderá fazer o percurso sozinho.

Carrega um peso máximo de 19 quilos, tem duas rodas e não mais do que 60 centímetros de altura. Possui uma capacidade de 32 litros de carga, qualquer coisa como uma caixa de vinho, uma mochila carregada ou dois sacos de supermercados cheios.

A empresa ainda não revelou quanto vai custar a sua mais recente criação, mas, segundo o Business Insider (conteúdo em espanhol), o Gita pode começar a surgir pelas ruas já no princípio do próximo ano.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Criador da Vespa lança robô que deixa as pessoas de mãos a abanar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião