Problema técnico no Facebook compromete posts privados de 14 milhões de utilizadores

É mais um caso sobre a forma como o Facebook lida com os dados dos utilizadores. A empresa assumiu que um erro técnico fez com que 14 milhões de pessoas pudessem partilhar informações privadas.

A última polémica sobre a privacidade no Facebook terá afetado cerca de 14 milhões de utilizadores.Pixabay

Um mal nunca vem só, que o diga Mark Zuckerberg, presidente executivo do Facebook. A rede social viu-se obrigada a notificar 14 milhões de utilizadores de que poderá ter partilhado publicamente algumas mensagens que só deveriam ser visíveis por um círculo bem mais restrito de pessoas. O caso ganha relevância uma vez que surge pouco depois do maior escândalo de privacidade de dados pessoais alguma vez enfrentado pela empresa.

Em causa, desta vez, está um problema técnico que poderá ter feito alguns utilizadores partilharem mensagens publicamente, acreditando que essas mensagens só poderiam ser vistas por amigos, amigos dos amigos ou pessoas específicas. A falha técnica existiu por apenas dez dias no mês de maio, de acordo com o jornal especializado Recode.

Quando um utilizador escreve uma publicação no Facebook, as definições de privacidade dessa mensagem poderão estar já definidas como sendo um post público ou privado. E quando alguém define uma mensagem como sendo privada, para um grupo restrito de utilizadores na rede social, isso significa que a próxima mensagem que escrever terá essa definição já guardada. O que se terá passado é que o Facebook passou essa definição para “Público” sem qualquer tipo de aviso.

A empresa liderada por Mark Zuckerberg indicou que este problema terá afetado 14 milhões de utilizadores, mas não forneceu mais detalhes nem deu informações sobre a sua incidência geográfica. Os utilizadores afetados pelo problema já estão a ser alertados através de uma notificação enviada internamente na plataforma.

“Descobrimos recentemente que um problema técnico entre 18 e 27 de maio resultou em que lhe fosse automaticamente sugerido que os seus posts fossem partilhados publicamente. Pedimos desculpa por este lapso. O problema foi corrigido e mudámos as definições de todas publicações que fez nesta altura para as mesmas definições que tinha antes, por descargo de consciência”, lê-se na mensagem que está a ser enviada aos utilizadores abrangidos por este problema.

A mensagem que o Facebook está a enviar a 14 milhões de utilizadores afetados por este problema técnico.Facebook, via The Verge

Os fantasmas da Cambridge Analytica

Há que ter em conta que, segundo os dados do primeiro trimestre, o Facebook conta com mais de 2,2 mil milhões de utilizadores ativos por mês. E que este é mais um caso que se junta a outras polémicas relacionadas com a privacidade dos utilizadores no Facebook, entre as quais está o uso indevido de dados pessoais para finalidades políticas por parte de uma consultora externa nos Estados Unidos, um problema que afetou 87 milhões de utilizadores do Facebook. A consultora em questão, Cambridge Analytica, já declarou falência.

Mais recentemente, a imprensa internacional deu conta de que o Facebook terá dado às fabricantes de dispositivos móveis o acesso a informações dos utilizadores, alegadamente sem o consenso destes. A rede social nega que tenha sido assim, mas acabou por meter um ponto final na parceria que tinha com a marca chinesa Huawei, face a receios levantados pela grande proximidade entre a fabricante chinesa e o país liderado por Xi Jinping.

Nos últimos dias, Mark Zuckerberg, que fundou o Facebook quando tinha 19 anos, voltou a ser pressionado pelo Congresso dos Estados Unidos relativamente a este caso. Isto depois de o líder da maior rede social do mundo ter testemunhado perante os congressistas em duas audições distintas no Congresso norte-americano e, mais recentemente, perante os eurodeputados no Parlamento Europeu, em Bruxelas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Problema técnico no Facebook compromete posts privados de 14 milhões de utilizadores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião