A manhã num minuto

  • Rita Frade
  • 29 Junho 2018

Não sabe o que se passou durante a manhã? Fizemos um vídeo que reúne as notícias mais relevantes, em apenas um minuto.

No dia em que se discute a reforma da Zona Euro, Mário Centeno, presidente do Eurogrupo, chegou a Bruxelas afirmando que “todos os países estão focados em reduzir os legados da crise”. A taxa de desemprego caiu para 7,2% em abril, indicam os dados publicados pelo INE. Para encontrar um valor mais baixo é preciso recuar a finais de 2002. Em maio, é de esperar uma subida para 7,3%.

Depois de chegarem a terreno comum na migração e no comércio, os líderes europeus seguem para o segundo dia de negociações. Mário Centeno, presidente do Eurogrupo chegou a Bruxelas afirmando que “todos os países estão focados em reduzir os legados da crise”.

A taxa de desemprego recuou para 7,2% em abril, avança o Instituto Nacional de Estatística (INE). É preciso recuar a novembro de 2002 para encontrar um valor mais baixo. Em maio, o desemprego deverá aumentar para 7,3%, indicam dados provisórios.

Já é oficial: o BPI vai mesmo sair de bolsa, 32 anos depois de se ter estreado. A saída do banco liderado por Pablo Forero foi aprovada por mais de 99% do capital presente na assembleia-geral realizada esta sexta-feira, sendo que o CaixaBank, sozinho, detém 94%. O último dia de negociação deverá acontecer nas próximas semanas.

Enquanto o Sporting continua sem conseguir avançar com a emissão de obrigações de 15 milhões, o Benfica vai para o mercado. A SAD encarnada lançou uma emissão de dívida destinada a investidores de retalho com a qual pretende obter 45 milhões de euros, oferecendo uma taxa de 4%. O prazo de subscrição arranca dia 2 de julho.

Vai abastecer o depósito do automóvel em breve? Então faça-o durante o fim de semana. Os combustíveis vão encarecer a partir de segunda-feira, no primeiro aumento em mais de um mês. Vai subir mais o preço da gasolina do que o gasóleo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

A manhã num minuto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião