Mais uma greve na Ryanair. Pilotos irlandeses marcam protesto para 12 de julho

Em causa está a decisão da administração da Ryanair de transferir pilotos das bases europeias para bases africanas. Companhia lowcost também enfrenta protestos dos tripulantes de cabine.

Depois de os sindicatos europeus de tripulação de cabine terem decidido avançar com greves por toda a Europa, a Ryanair enfrenta um novo protesto. Desta vez, são os pilotos com base na Irlanda, país de origem da companhia aérea lowcost, que vão fazer uma greve de 24 horas, no dia 12 de julho.

A informação é avançada pelo The Irish Times, que dá conta de que os pilotos afetos ao sindicato do setor na Irlanda votaram favoravelmente à realização desta greve, uma vez que a Ryanair não cedeu às reivindicações feitas pelos trabalhadores. Em causa, escreve o mesmo jornal, está a decisão da administração da Ryanair de transferir pilotos das bases europeias para bases africanas.

O sindicato indica ainda que irá notificar a Ryanair de mais dias de greve, para além da que está marcada para 12 de julho. Ainda assim, mantém-se disponível para negociar com a empresa, assegura.

A concretizar-se, esta será a primeira greve feita pelos pilotos da Ryanair baseados na Irlanda. Mas a companhia área tem enfrentado vários protestos por parte dos trabalhadores.

Este fim de semana, os sindicatos que representam os tripulantes de cabine da Ryanair em vários países europeus decidiram que vão reunir-se, na quinta-feira, para marcarem uma greve conjunta, que deverá ocorrer ainda este mês. Não está decidido, para já, se esta greve será de um ou mais dias. Neste caso, os sindicatos reivindicam que a Ryanair aplique, a cada trabalhador, a legislação que vigora no país em que está baseado, e não a legislação irlandesa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais uma greve na Ryanair. Pilotos irlandeses marcam protesto para 12 de julho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião