Revista de imprensa internacional

A Ryanair revelou uma queda nos lucros, e a Tesla pede aos fornecedores reembolsos para evitar a mesma situação. Bruxelas também tenta proteger-se, e marca um encontro com Trump para fugir das tarifas

As greves da tripulação da Ryanair multiplicam-se e as consequências estão a chegar à companhia aérea, que revelou agora uma queda nos lucros. Já a Tesla quer evitar essa situação, e pediu a alguns fornecedores um reembolso para garantir a rentabilidade. Em Bruxelas trabalham também para fugir das tarifas americanas, e esperam conseguir persuadir Trump. Aqui ao lado, o Citi alerta Espanha que pode ver o seu mercado dominado por apenas cinco bancos. Estas são algumas das notícias que marcam as manchetes internacionais esta segunda-feira.

The Guardian

Lucros da Ryanair caem um quinto depois de avisos de mais greves

A queda nos lucros da companhia aérea deve-se aos preços de combustível mais altos, viagens mais baratas e aumentos no salário dos trabalhadores, que mesmo assim vão continuar com greves. Depois dos impostos, os lucros caíram 20% para os 319 milhões de euros, o que assustou os investidores. As ações da Ryanair derraparam 5% na abertura da bolsa. Leia a notícia completa no The Guardian (acesso livre/ conteúdo em inglês).

Finantial Times

Juncker encontra-se com Trump numa última tentativa de evitar guerra comercial

O presidente da Comissão Europeia marcou um encontro com Trump para tentar que as tarifas no setor automóvel europeu não avancem. Mas Bruxelas não está a confiar apenas nesta conversa, e já está a averiguar que produtos americanos podem ser atingidos com tarifas de resposta para o caso da iniciativa não resultar. Leia a notícia completa no Financial Times (acesso pago/ conteúdo em inglês).

Expansión

Cinco bancos vão dominar 85% do setor espanhol em dois anos

Os bancos Santander, BBVA, CaixaBank, Bankia e Sabadell correspondem atualmente a 70% do mercado, de acordo com o Banco da Espanha. Para o Citi, estes cinco bancos vão ter entre 80% e 85% do total de ativos do sistema em dois anos. O banco de investimento prevê várias fusões até 2020, com entidades financeiras com entre 400.000 e 500.000 milhões de euros em ativos. Leia a notícia completa no Expansión (acesso livre/ conteúdo em espanhol).

The Wall Street Journal

Tesla pede reembolso a fornecedores para garantir rentabilidade

A empresa de Elon Musk pediu a alguns fornecedores o reembolso de dinheiro gasto desde 2016, para ajudar a conseguir equilibrar as contas e registar lucros. O CEO tinha assegurado que a Tesla ia apresentar rentabilidade no terceiro e quarto trimestres. Numa nota enviada aos fornecedores, a empresa diz que este reembolso também os irá ajudar, a longo prazo. Leia a notícia completa no The Wall Street Journal (acesso condicionado/ conteúdo em inglês).

Les Echos

Ministro do Interior francês ouvido pelas acusações de violência à equipa de Macron

O ministro do Interior francês, Gérard Collomb, é interrogado pela comissão de inquérito da Assembleia Nacional, depois do chefe de segurança do Presidente francês, Alexandre Benalla, e um funcionário do partido presidencial, Vincent Crase, serem acusados de violência pela Procuradoria de Paris. A comissão é liderada por Yael Braun-Piveta (do LREM, partido da maioria presidencial). Leia a notícia completa no Les Echos (acesso pago /conteúdo em francês).

Comentários ({{ total }})

Revista de imprensa internacional

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião