Novo centro tech vai contratar 150 pessoas. Conheça o novo escritório da Farfetch

A empresa liderada por José Neves está a recrutar para o novo escritório de Braga. Este é o quarto espaço da Farfetch em Portugal e o terceiro centro tecnológico.

Entra-se no novo escritório da Farfetch, em Braga, e parece que estamos num parque de diversões. O terraço para onde os convidados são encaminhados, antes da cerimónia de inauguração, é uma verdadeira atração para miúdos e graúdos.

No espaço de cerca de 2.800 metros quadrados, dos quais perto de mil no exterior, há de tudo. As atrações vão de uma pista de karts e um mini trampolim e a uma mesa de ping-pong. Tudo em prol dos momento de descontração e de convívio dos 150 quadros que serão contratados até ao final do ano.

O novo centro tecnológico do unicórnio, fundado pelo português José Neves, é o 3.º da especialidade em Portugal (o quarto, no total) e o 13.º escritório que a empresa abre. Para já, trabalham nestas instalações perto de 25 profissionais e há um processo de recrutamento em aberto.

Para Cipriano Sousa, chief technology officer (CTO) da Farfetch, “este escritório junta-se aos de Porto e Lisboa, em termos tecnológicos”. A estes junta-se ainda o novo espaço inaugurado há cerca de dois meses em Guimarães, onde está a produção.

Sobre a escolha de Braga, Cipriano Sousa refere que “a região está a tornar-se uma marca no empreendedorismo e nas tecnologias de informação e é uma incubadora natural de talento, onde será possível captar os mais diferentes perfis, desde os mais jovens aos mais experientes”.

Um sinal claro, prossegue Cipriano Sousa, de que a empresa “continua a apostar em Portugal”. “Temos muitas equipas que têm a oportunidade de, a partir daqui, ter a experiência de trabalhar em rede, internacionalmente, com colegas sediados noutros escritórios, numa lógica global que está no nosso ADN, na nossa missão e valores”.

Cipriano Sousa, que está na Farfetch desde o início da empresa — há precisamente dez anos –, diz que, neste período, a empresa tornou-se líder global no segmento de moda de luxo. E justifica com números: 190 países, mais de dois milhões de clientes, parceiros em 50 países e três mil funcionários em todo o mundo. “A Farfetch é um sucesso, atualmente”, remata o responsável pela tecnologia da empresa.

A farfetch, que está a recrutar em média dois funcionários por dia, em Lisboa e Porto, requer muito tecnologia o que, no entender deste responsável, “obriga a estar constantemente a procurar talento”.

Também presentes na cerimónia de inauguração do escritório estavam Ricardo Rio, presidente da câmara de Braga, e Carlos Oliveira, presidente da InvestBraga. “É muito importante a presença de uma marca como a Farfetch em Braga, uma espécie de unicórnio dos negócios”, disse Carlos Oliveira na inauguração, salvaguardando que, também “a Farfecth pode ganhar muito com Braga, com a sua dinâmica, o seu ecossistema de talento”.

Apesar de o novo espaço estar ainda “meio despido” de funcionários, foi pensado para tudo. Há uma sala de amamentação, uma sala de diversões a evocar o Star Wars, várias salas de reuniões coloridas, e vários espaços para reuniões informais ao longo dos três pisos que compõem o escritório.

De resto, os responsavéis da Farfetch explicam que todos os escritórios são pensados ao pormenor para que os “funcionários se sintam especiais”. Daí que as atrações, por exemplo, sejam diferentes de espaço para espaço.

Comentários ({{ total }})

Novo centro tech vai contratar 150 pessoas. Conheça o novo escritório da Farfetch

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião