Tecnologia: Quer uma selfie com Marcelo? Agora há uma app, a Marcelfie

Já existe uma app que permite a qualquer português ter uma fotografia com o Presidente Marcelo. Mais de metade dos portugueses quer uma Marcelfie, segundo um estudo recente.

A aplicação Marcelfie é gratuita e foi lançada esta sexta-feira.Mosca Digital

Marcelo Rebelo de Sousa até pode ser conhecido pelos afetos, mas nem todos os portugueses conseguem privar com o chefe de Estado — e tirar a famosa “selfie à Marcelo”. Numa semana em que o Presidente da República está de férias e surge nas televisões a dar uns mergulhos, uma agência de comunicação de Lisboa acaba de lançar uma app que permite a qualquer português tirar… uma Marcelfie.

A aplicação usa a câmara do telemóvel para sobrepor à fotografia uma imagem de Marcelo Rebelo de Sousa. Há várias poses disponíveis e é o utilizador quem escolhe qual melhor se adapta ao plano e ao cenário. Após o clique, o utilizador decide se ficou bem ou ficou mal. Se o resultado final for o esperado, a aplicação permite partilhar a Marcelfie diretamente nas principais redes sociais. Já está disponível gratuitamente para Android e, em breve, deverá surgir a versão para iOS.

Apesar de ser como um jogo, a ideia tem um argumento sólido. No último sábado, uma sondagem da Eurosondagem, citada pelo semanário Expresso (acesso pago), revelou que 52,5% dos inquiridos querem uma foto com o Presidente. Aliás, o mesmo estudo apontou que 3,3% dos participantes já tinham uma fotografia com o chefe de Estado.

Esta foi uma ideia da agência Mosca Digital, que ficou conhecida pelo jogo que convidava os internautas a ajudarem Madonna a estacionar um carro em Lisboa. A ideia teve como mote a polémica em torno da cedência de espaço para estacionamento à Rainha do Pop, alegadamente a um custo inferior ao do mercado. A empresa tem como sócio o deputado social-democrata Duarte Marques, com uma participação de 5%.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Tecnologia: Quer uma selfie com Marcelo? Agora há uma app, a Marcelfie

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião