Este é o Pixel 3, o novo telemóvel da Google. Conheça as três principais novidades da marca

A Google apresentou novidades esta terça-feira. Entre elas estão os novos telemóveis Pixel 3 e 3 XL, um tablet Pixel Slate e, também, um ecrã inteligente Home Hub... parecido com o Facebook Portal.

A Google apresentou o novo topo de gama Pixel 3 num evento em Nova Iorque, confirmando os rumores que circulavam há meses no mercado. A par da nova linha de telemóveis, a multinacional lançou também um novo ecrã inteligente para ter em casa, que batizou de Home Hub, e um novo tablet, a que chamou Pixel Slate, de acordo com o The Verge.

Pixel 3 e Pixel 3 XL

  • São dois modelos de um novo telemóvel. O mais pequeno tem um ecrã de 5,5 polegadas, enquanto a versão XL tem um ecrã de 6,3 polegadas. Ambos são ligeiramente menores do que os iPhones Xs e Xs Max em tamanho.
  • A Google optou por fazer o oposto da tendência do mercado: instalou apenas uma câmara na parte traseira, e colocou duas câmaras à frente, para abrir um leque ainda maior de opções na hora de tirar uma selfie. Uma delas tem uma lente grande-angular, para permitir tirar fotografias de maior amplitude — ou seja, cabem mais pessoas na fotografia.
  • Outra aposta da empresa é uma tecnologia que permite fazer zoom de alta resolução, assim como funcionalidades que permitem obter imagens com mais qualidade em ambientes com pouca luz.
  • O preço destes modelos no mercado norte-americano começam em 799 dólares no caso do Pixel 3, e 899 dólares no caso do Pixel 3 XL. As pré-encomendas nos EUA arrancam esta terça-feira e o aparelho começa a ser entregue nas lojas a 18 de outubro.
  • A par dos telemóveis Pixel 3, a Google lançou uma base de ancoragem para o aparelho, que faz o carregamento sem fios da bateria e que transforma o telemóvel num assistente virtual. Vai custar 79 dólares nos EUA.
Esta é a aparência do novo Pixel 3, o telemóvel “Made by Google”.Google, via The Verge

Google Home Hub

  • Um dia depois de o Facebook ter anunciado o novo aparelho Portal — que é, basicamente, um ecrã inteligente — a Google lança também… um ecrã inteligente. Chama-se Home Hub e integra-se facilmente com o serviço Google Photos.
  • Tem uma versão visual do assistente virtual da Google e também pode servir para ver vídeos no YouTube — uma vantagem em relação às opções da concorrência, como é o caso do Echo Show da Amazon.
  • As pré-encomendas nos EUA começam esta terça-feira e o aparelho chega às lojas a 22 de outubro. Não vai estar disponível em Portugal nesta primeira fase.

Pixel Slate

  • A tecnológica também apresentou um tablet, Pixel Slate, que integra o sistema operativo Chrome OS.
  • Tem um ecrã de 12,3 polegadas e uma câmara frontal de oito megapixels, bem como uma câmara traseira com a mesma resolução.
  • O tablet da Google não tem entrada para auscultadores (um piscar de olho à Apple) e inclui um leitor de impressões digitais, que é uma funcionalidade pouco comum em aparelhos deste género.
  • Pode ser acoplado a um teclado por Bluetooth, transformando-o num híbrido muito semelhante ao Surface da Microsoft. Mas o teclado é vendido à parte e custa cerca 199 dólares nos EUA.
  • O preço do Pixel Slate começa em 599 dólares. Ainda não se sabe quando vai chegar às lojas, segundo o The Verge.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Este é o Pixel 3, o novo telemóvel da Google. Conheça as três principais novidades da marca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião