DBRS mantém rating de Portugal. Está dois níveis acima de “lixo”

A agência de notação financeira canadiana deixou inalterado o rating do país. Avalia-o em "BBB", dois níveis acima de "lixo".

A DBRS deixou inalterado o rating do país. Está em “BBB”, dois níveis acima de “lixo”, sendo que a perspetiva permaneceu “estável”, ou seja, não se prevê uma revisão positiva ou negativa nos próximos tempos. A agência de notação financeira canadiana explica esta perspetiva com os riscos moderados apresentados por Portugal.

“A confirmação desta perspetiva ‘estável’ reflete a visão da DBRS de que os riscos ao rating estão globalmente equilibrados“, diz a agência numa nota enviada esta sexta-feira, dia em que a Moody’s também se pronunciará sobre a notação atribuída à dívida pública portuguesa.

“Apesar de o crescimento ter moderado na primeira metade do ano, face ao 2017, deverá ser de 2,3% no total do ano, acima da média da Zona Euro. O défice e o rácio da dívida em função do PIB deverá continuar a cair e o malparado do bancos portugueses está a cair”, refere a DBRS.

Ainda assim, acrescenta a agência, “o ainda elevado endividamento público limita a margem orçamental e deixa as finanças públicas vulneráveis a choques”, refere. O malparado da banca, ainda que a encolher, “continua a ser elevado, especialmente no que respeita ao setor empresarial”.

(Notícia atualizada às 21h26 com mais informação)

Comentários ({{ total }})

DBRS mantém rating de Portugal. Está dois níveis acima de “lixo”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião