Preço dos transportes públicos pode subir até 1,14% em 2019

O valor máximo é definido pela taxa de variação média do Índice de Preços no Consumidor, exceto habitação, entre outubro de 2017 e setembro de 2018.

Os aumentos no preço dos bilhetes dos transportes públicos poderão chegar aos 1,14%, no próximo ano. A atualização regular das tarifas dos títulos de transporte acontece todos os anos, no início de cada ano civil.

O valor máximo é definido pela taxa de variação média do Índice de Preços no Consumidor, exceto habitação, nos 12 meses que decorrem entre outubro de 2017 e setembro de 2018, segundo indica a portaria publicada em Diário da República, no dia 19 deste mês.

A taxa de atualização tarifária entra em vigor, assim, a 1 de janeiro de 2019, e diz respeito aos serviços públicos de transporte ferroviário, rodoviário e fluvial de passageiros. A esta taxa podem ainda acrescer atualizações tarifárias extraordinárias determinadas pelas autoridades de transportes competentes em certas situações, como causas imprevisíveis ou necessidades de reestruturação.

Para o ano de 2018, o teto do aumento médio dos transportes públicos fixou-se nos 2%, sendo que a atualização de cada título não podia ser superior a 2,5%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Preço dos transportes públicos pode subir até 1,14% em 2019

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião