Corrida às compras de Natal: MB bate recorde de transações

  • Guilherme Monteiro
  • 26 Dezembro 2018

SIBS registou mais de 280 transações por segundo na véspera de Natal.

Os portugueses correram às compras na manhã da véspera de Natal e as transações refletiram-no. Segundo a SIBS, entidade que gere a rede Multibanco, foram feitas mais de 280 transações por segundo nas Caixas Automáticos e Terminais de Pagamento Automático. Um máximo nunca antes atingido em Portugal e que alcançou o pico pouco depois do meio-dia quando se registaram 281,5 operações instantâneas.

A SIBS foi dando conta do uso do Multibanco através da página da rede social Twitter. Já no sábado, também por volta do meio-dia, foram feitas cerca de 245,12 transações instantânea, ainda assim aquém dos 281 alcançados na véspera de Natal.

O ano passado, o pico de transações na rede multibanco aconteceu um pouco mais cedo, às 11h52, também na véspera de Natal. Foram nesse momento processadas 267 transações por segundo.

Em agosto, a SIBS revelou que a empresa espera encerrar este ano de 2018 com um novo registo histórico de 3,4 mil milhões de transições. Um valor que poderá ascender aos quatro mil milhões dentro de cinco anos através da utilização dos múltiplos canais como a rede Multibanco, a rede ATM Expresso, terminais automáticos de venda, portagens (Via Verde) ou home banking e mobile banking.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Corrida às compras de Natal: MB bate recorde de transações

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião