Estado vai dar 250 euros aos contribuintes para comprar bicicleta elétrica

  • ECO
  • 21 Fevereiro 2019

O apoio inclui-se novas regras que serão anunciadas nos próximos dias. A verba do Governo para veículos elétricos sobe para três milhões de euros.

O Governo quer impulsionar o uso de veículos mais verdes através de apoio público. Cada contribuinte pode receber 250 euros para comprar uma bicicleta elétrica, de acordo com as novas regras que serão anunciadas nos próximos dias, segundo noticiam a Antena 1 e o Jornal de Notícias.

A compra de bicicletas elétricas vai receber apoio do Estado pela primeira vez, num valor máximo de 250 euros por pessoa. O Governo estima que sejam apoiadas mil aquisições, mas serão atribuídos subsídios até esgotar o valor previsto para esta medida, sendo que o incentivo será distribuído por ordem de chegada de cada candidatura.

O secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Mendes, explicou à Antena 1 que há uma regra para ter acesso a este apoio do Estado. “A fatura (ou uma declaração anexa por parte do vendedor) tem de declarar que a bicicleta não é destinada ao desporto ou do tipo montanha ou de suspensão integral no sentido de apoiarmos apenas as bicicletas de utilização urbanas e citadinas, que são aquelas que normalmente para viagens mais frequentes”, disse.

A verba do Governo para veículos elétricos sobe, assim, para três milhões de euros, segundo explicou o secretário de Estado à Antena 1, sublinhando que gostaria de reforçar os apoios públicos a outros meios de transporte. “Num contexto de recursos ilimitados, poderíamos pensar em apoiar todos os veículos elétricos, mas não é possível”, acrescentou.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Estado vai dar 250 euros aos contribuintes para comprar bicicleta elétrica

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião