Vão nascer 500 apartamentos na Alta de Lisboa. Solyd investe 200 milhões

A Solyd vai investir 200 milhões para a construção de dez edifícios na Alta de Lisboa, mas tem ainda mais 400 milhões para novos projetos em Lisboa, linha de Cascais e Setúbal.

Levará cerca de dois anos até nascerem na Alta de Lisboa mais de 500 apartamentos, distribuídos em cerca de dez edifícios. O projeto é da promotora imobiliária Solyd, que tem disponíveis para investir 200 milhões de euros, com o objetivo de dar resposta à falta de construção nova na capital. Mas os projetos não ficam por aqui, há ainda mais de 400 milhões de euros para 15 novos empreendimentos em Lisboa, Cascais e Setúbal.

Serão mais de 120 mil metros quadrados de novas habitações, construídas pela Solyd, antiga Estoril Capital Partners. Os primeiros edifícios vão começar a ser comercializados já no próximo mês, com um valor entre os 2.700 e os 3.000 euros por metro quadrado. Dependendo do sucesso desta primeira tranche, poderão ser lançados mais dois ou três edifícios em setembro.

“O projeto da Alta de Lisboa vai contribuir para que em breve surja um novo centro residencial de referência e qualidade na cidade de Lisboa”, referem os sócios-gerentes Gonçalo Cadete, João Cardão, João Paula Santos e Tiago Belo. Para esta zona, os planos ultrapassam o residencial: “queremos retalho, arrendamento, residências de estudantes e co-living, para tornar aquela zona atrativa”.

Mas os projetos não ficam por aqui. “São mais de 400 milhões de investimento num total de 15 projetos de referência em Lisboa, linha de Cascais e Setúbal e que representam não só o nosso compromisso com o mercado e com o nosso próprio projeto, mas também a solidez que temos para oferecer; na construção, na qualidade, nas relações e experiências que queremos proporcionar aos nossos clientes e parceiros”, remataram.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Vão nascer 500 apartamentos na Alta de Lisboa. Solyd investe 200 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião