Bolsas norte-americanas em recorde à espera dos resultados

  • Lusa
  • 15 Julho 2019

Depois do Citigroup, investidores aguardam pelas contas do JPMorgan Chase, o Goldman Sachs e do Wells Fargo,

As praças norte-americanas encerraram em alta, com os principais índices a estabelecerem novos recordes e os investidores a prepararem-se para entrar na época de divulgação de resultados trimestrais.

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones ganhou 0,10%, para os 27.358,82 pontos, o tecnológico Nasdaq avançou 0,17%, para as 8.258,19 unidades e o S&P 500 progrediu 0,02%, para as 3.014,30.

Os índices evoluíram, durante quase toda a sessão, perto do nível de equilíbrio, com uma fraca volatilidade, que “se explica pelo facto de, por um lado, ser verão e, por outro, a praça de Tóquio estar fechada, o que reduziu a atividade no mercado obrigacionista”, realçou Karl Haeling, da LBBW.

Mas no final da sessão instalaram-se em território positivo, o que permitiu àqueles três índices emblemáticos de Wall Street atingirem níveis inéditos no fecho da sessão, depois de já na semana passada terem sido dopados pela perspetiva de os investidores verem as taxas de juro descer no final do mês.

Os investidores estão agora a focar as atenções na época de divulgação dos resultados do segundo trimestre.

O primeiro grande banco a apresentar os seus números foi o Citigroup, que desceu 0,08%, apesar de ter divulgado resultados superiores às expectativas. Mas este desempenho é de relativizar, uma vez que está ligado a um ganho excecional ligado à introdução em bolsa da TradeWeb, uma sociedade na qual o Citigroup investiu.

Vão seguir-se na terça-feira o JPMorgan Chase, o Goldman Sachs e o Wells Fargo, na quarta-feira o Bank of America e na quinta o Morgan Stanley.

Entre os resultados mais esperados na semana estão os da Johnson & Johnson e United Airlines na terça-feira, da Netflix e IBM na quarta, da Microsoft e UnitedHealth na quinta e da American Express na sexta-feira.

Comentários ({{ total }})

Bolsas norte-americanas em recorde à espera dos resultados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião