ANAC garante segurança dos A330neo da TAP

  • ECO
  • 19 Julho 2019

Regulador da aviação civil não vê razões para suspender os voos com os novos aviões da TAP. Tripulantes queixam-se de enjoos e mal-estar a bordo das aeronaves.

O regulador da aviação está a acompanhar as queixas de enjoos e mal-estar a bordo dos novos A330 e diz que não existem, pelo menos para já, motivos que levem à suspensão dos voos nestas aeronaves. Fonte da ANAC diz à TSF que tem “acompanhado o processo” com a TAP e a Airbus, tendo igualmente transmitido à Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) as queixas dos tripulantes da companhia aérea.

“Acompanhamos as medições da qualidade do ar das diferentes aeronaves que entraram ao serviço da companhia”, acrescenta a ANAC, “não havendo até ao momento qualquer resultado que aponte para a necessidade de suspender a aeronavegabilidade dessas mesmas aeronaves”, esclarece fonte oficial da ANAC.

A Airbus, fabricante dos A330neo já tinha admitindo falhas nestas aeronaves, associando os cheiros anormais ao material que cobre, para evitar a corrosão, o mecanismo que transforma o ar vindo do exterior em ar respirável dentro do avião, estando convencido que com o tempo e o uso das aeronaves estes odores desaparecem.

Já a TAP assegura que a qualidade do ar a bordo dos seus novos aviões A330neo “está dentro de todos os limites recomendados”.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ANAC garante segurança dos A330neo da TAP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião