Câmara de Mafra limita abastecimento de combustível a 25 litros

  • ECO
  • 8 Agosto 2019

Câmara de Mafra decretou o estado de alerta e decidiu impor limites ao abastecimento de combustível no município, medida que entrou em vigor às 17h00 de quarta-feira.

A Câmara de Mafra decretou o estado de alerta e decidiu impor limites ao abastecimento de combustível no município. A medida entrou em vigor a partir das 17h00 de quarta-feira, avança o Observador, dando conta de que cada viatura ligeira só pode ser abastecida com 25 litros de gasolina ou gasóleo. Já os pesados estão limitados a 100 litros de gasolina ou gasóleo simples e ainda 100 litros de gasóleo agrícola.

A informação consta do site oficial da Câmara Municipal de Mafra. A autarquia, em conjunto com a proteção civil municipal, apela à população que “proceda ao consumo moderado de combustível” e evite “atividades que exijam consumo de combustíveis fosseis que não sejam essenciais”.

Para além desse limite de abastecimento aos veículos, também foi proibida a venda de combustível em jerricãs.

“Esta imposição mantém-se até nova comunicação da CM de Mafra ou até novo despacho nacional emitido pelas entidades reguladoras”, dá ainda conta o mesmo comunicado.

Essas restrições de abastecimento foram impostas a cinco dias de distância da data prevista para o início da greve dos motoristas de veículos de matérias perigosas, a 12 de agosto, e numa altura em que as filas para abastecer nas gasolineiras já se estão a formar e em que já há postos com rutura de combustível ou perto de atingirem essa situação.

Em declarações à RTP 3, Aldevina Rodrigues, vereadora da Câmara Municipal de Mafra, disse que a intenção é “manter ao máximo a normalidade no quotidiano” de quem reside, trabalha ou visita o concelho. “É uma medida para evitar qualquer tipo de alarme. Temos 21 postos de abastecimento no concelho de Mafra e certamente que a nossa população ficará mais tranquila”, referiu.

“Rapidamente nos apercebemos de que o combustível iria esgotar se não fosse tomada nenhuma medida, pondo em causa o regular funcionamento da vida dos munícipes do concelho de Mafra”, reiterou a autarca.

(Notícia atualizada às 17h34 com mais informações)

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Câmara de Mafra limita abastecimento de combustível a 25 litros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião