ADSE já enviou novas tabelas de preços dos privados

  • ECO
  • 23 Agosto 2019

Prestadores de saúde privados já receberam novas tabelas de preço da ADSE. Relação de serviços convencionados ainda pode sofrer alterações.

Após sucessivos adiamentos, a direção da ADSE enviou ao seu conselho consultivo as novas tabelas de preços a aplicar ao regime convencionado. A nova relação de preços a aplicar ao regime convencionado, que ainda está sujeita a alterações, surge seis meses depois de os grandes grupos privados de saúde terem ameaçado romper os acordos com o subsistema de saúde.

A informação é avançada esta sexta-feira pelo Jornal de Negócios (acesso condicionado), que cita o presidente Conselho Geral de Supervisão da ADSE, João Proença. “As tabelas foram enviadas ao Conselho Geral e de Supervisão, com a indicação de que irão ser distribuídas a alguns prestadores para recolher contributos que permitam à ADSE elaborar a versão final”, afirmou João Proença.

O Conselho Geral vai agora pronunciar-se sobre o conteúdo das novas tabelas, que determinam quanto é que o subsistema de saúde tem de pagar por cada ato médico aos prestadores privados que têm acordo com a ADSE. O novo regime convencionado está a ser negociado há quase dois anos, mais precisamente desde outubro de 2017.

Sem novos preços, ADSE começou a aplicar as chamadas regularizações, pedindo a correção da faturação relativa a anos anteriores, em função da análise dos preços mínimos ou médios apresentados por outros prestadores. Uma medida que resultou numa fatura de 38 milhões de euros, que foi contestada pelos grupos Luz Saúde e José de Mello Saúde, que ameaçaram romper os acordos com a ADSE.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ADSE já enviou novas tabelas de preços dos privados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião