Fidelidade reuniu 4 mil colaboradores para “pensar maior”

  • ECO Seguros
  • 20 Outubro 2019

Colaboradores, acionistas e parceiros provenientes de 16 países estiveram juntos em Lisboa para fazer o balanço de uma década e projetar e preparar o futuro do Grupo.

A Fidelidade reuniu em Lisboa mais de quatro mil quadros, ligados ao universo nacional e internacional da Fidelidade, provenientes de 16 países e 4 continentes, como Portugal, Perú, Angola, Moçambique, Cabo Verde, China, Alemanha, França, África do Sul, Itália, Espanha, Paraguai, Bolívia, Chile, Holanda e Inglaterra. Foi a quinta edição do Pensar Maior, um encontro que pretende também fazer o balanço de uma década e projetar e preparar o futuro do Grupo.

Jorge Magalhães Correia, Presidente e CEO da Fidelidade, abriu o plenário da companhia para “pensar maior”.

Promovido desde 2010, a quinta edição do Pensar Maior foi um evento dedicado à partilha da visão de futuro da Fidelidade junto com todos os stakeholders da companhia, onde a tecnologia também sobressaiu. Com um ecrã gigante de 66 metros de largura e uma caixa de projeção tridimensional 3D de alta resolução, o Pensar Maior destacou a tecnologia ao serviço da seguradora.

“Num mundo em constante mudança, com a tecnologia a desempenhar um papel cada vez mais importante na vida das pessoas, a Fidelidade procura continuamente adaptar-se aos novos tempos, mas mantendo sempre o foco no cliente através de uma relação cada vez mais humana e assente no compromisso de apoiar continuamente as pessoas”, refere a companhia em comunicado.

A Fidelidade “adotou uma estratégia definida e continuada de Customer Centric Approach onde os clientes estão efetivamente em primeiro lugar”, confirma a empresa em nota publicada, servindo este encontro para reforçar as ideia base da nova estratégia.

Comentários ({{ total }})

Fidelidade reuniu 4 mil colaboradores para “pensar maior”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião