Arsénio Reis sai da direção da TSF

  • ECO
  • 7 Novembro 2019

O diretor da TSF vai continuar no grupo, mas com o pelouro da internacionalização da Global Media. Pedro Pinheiro, diretor-adjunto da TSF, assumirá as funções de diretor interino da rádio. 

Num comunicado publicado no site da TSF, a administração da Global Media informa que “no contexto da reestruturação do Global Media Group e das estratégias em curso para as suas várias marcas”, Arsénio Reis “foi convidado a aceitar um novo desafio, estratégico, ligado à internacionalização do Grupo e a uma nova visão de futuro”.

Segundo o mesmo comunicado, Pedro Pinheiro, diretor-adjunto da TSF, assumirá as funções de diretor interino, “coadjuvado pelos restantes membros da atual equipa diretiva da estação, Ricardo Alexandre e Anselmo Crespo”.

“Arsénio Reis, que durante 12 anos integrou sucessivas direções da Estação, e desde julho de 2016 como diretor, deixa na TSF a marca de um jornalismo de qualidade, informado e independente, para além das suas capacidades de gestão de projeto e de equipas”, escreve a administração da Global Media na mesma comunicação.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Arsénio Reis sai da direção da TSF

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião