Houve 287 festivais de música no ano passado. Impacto na economia chegou aos 18 mil milhões de euros

Em 2019, realizaram-se 287 festivais de música em Portugal, de acordo com a Associação Portuguesa de Festivais de Música.

Os festivais de música que se realizaram em Portugal no ano passado tiveram um impacto direto e indireto na economia de 18 mil milhões de euros brutos. Os cálculos são da Aporfest – Associação Portuguesa de Festivais de Música, que adianta também que, em 2019, ocorreram 287 festivais.

O impacto económico que os festivais geram em Portugal, que a Aporfest está a medir pela primeira vez, tem em conta que passaram por estes eventos 2,1 milhões de pessoas, que com os bilhetes, transporte, alimentação e outros gastos médios diários contribuíram com 18 mil milhões de euros brutos para a economia.

A partir do relatório anual “Festivais de Música em Portugal”, a associação dá conta de que houve um decréscimo no número de festivais realizados em Portugal de 7,7% face a 2018, quando foram 311. É a primeira queda registada desde a altura em que a associação começou a fazer a contabilização, em 2014.

Este decréscimo acontece porque “alguns festivais de pequena dimensão (localizados em localidades não urbanas) suportados por organismos públicos e/ou associações não conseguiram efetivar as suas edições perante mais custos e um menor apoio financeiro proporcionado“, nota a Aporfest. Para além disso, também existiram menos “novos festivais” a surgir.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Houve 287 festivais de música no ano passado. Impacto na economia chegou aos 18 mil milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião