Afinal, Rio não teve 49,44% dos votos na primeira volta. Ficou com 49,02%

  • Lusa
  • 15 Janeiro 2020

Atualização que se deve sobretudo à inclusão da Amadora e de Vila Real e a pequenas correções em atas atribuí agora a Rui Rio 15.546 votos, a Luís Montenegro 13.137 e a Miguel Pinto Luz 3.030.

O atual presidente do PSD, Rui Rio, foi o candidato mais votado na primeira volta das diretas de sábado com 49,02% dos votos e Luís Montenegro conseguiu 41,42%, de acordo com os números finais disponíveis no site do PSD. Miguel Pinto Luz, o terceiro candidato mais votado, obteve 9,55% (3.030).

No sábado à noite, os números provisórios divulgados pelo Conselho de Jurisdição Nacional (CJN) atribuíram a Rio uma vitória por 49,44% dos votos (15.301), a Luís Montenegro 41,26% (12.767) e a Miguel Pinto Luz 9,3% (2.878).

A atualização dos dados – que se deve sobretudo à inclusão das concelhias da Amadora (Lisboa) e de Vila Real e a pequenas correções em atas – atribuí agora a Rui Rio 15.546 votos, a Luís Montenegro 13.137 e a Miguel Pinto Luz 3.030.

De acordo com os números finais, a vantagem de Rio para Montenegro foi de 2.409 votos (7,6 pontos percentuais). Os dois candidatos menos votados obtiveram, em conjunto, mais 621 votos do que o atual presidente.

Dos 40.604 militantes em condições de votar, fizeram-no 32.082 (uma participação de 79%).

Destes, 31.713 foram votos validamente expressos – os únicos que contam para a determinação da maioria absoluta -, 224 votaram em branco e houve 145 votos nulos.

Para Rui Rio ter conseguido a maioria absoluta à primeira volta precisaria de ter obtido 15.858 votos (metade mais um), tendo ficado a 312 desse objetivo.

A segunda volta das eleições diretas para escolher o presidente do PSD disputa-se no sábado entre Rui Rio e Luís Montenegro.

Apenas em três estruturas se registaram alterações em relação aos números que constavam no site do PSD no domingo: Açores, Lisboa e Vila Real, mas sem alterarem as posições relativas dos candidatos.

Na Área Metropolitana de Lisboa, a segunda maior distrital em número de militantes inscritos, o vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, Miguel Pinto Luz, venceu com 38,53% (1.592 votos), Luís Montenegro ficou em segundo com 32,77% (1.354) e Rui Rio conseguiu 28,7% (1.186 votos).

Na primeira volta, Rui Rio ganhou em 13 distritos ou estruturas – Porto, Aveiro, Bragança, Guarda, Viana do Castelo, Vila Real, Santarém, Faro, Beja, Portalegre, Évora, Açores e Europa – enquanto Luís Montenegro venceu em seis – Braga, Leiria, Viseu, Coimbra, Castelo Branco, Lisboa Área Oeste. Pinto Luz saiu vencedor na Área Metropolitana de Lisboa e em Setúbal, reclamando também vitória na Madeira, mas os votos da Região Autónoma não foram contabilizados. Já no círculo Fora da Europa os quatro militantes que votaram repartiram-se igualmente por Rio e Montenegro, registando-se um empate.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Afinal, Rio não teve 49,44% dos votos na primeira volta. Ficou com 49,02%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião