Federação de Sindicatos de Enfermeiros marca greve nacional para dia 31

  • Lusa
  • 15 Janeiro 2020

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Enfermeiros (FENSE) marcou uma greve nacional para o dia 31, para exigir o recomeço de negociações sobre o Acordo Coletivo de Trabalho.

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Enfermeiros (FENSE) marcou uma greve nacional para o dia 31, para exigir o recomeço de negociações sobre o Acordo Coletivo de Trabalho, foi esta quarta-feira anunciado.

A paralisação coincidirá com a greve nacional decretada pela Frente Comum, pela Federação Nacional dos Professores (Fenprof) e pela Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap).

De acordo com a FENSE, a greve dos enfermeiros é convocada para exigir o reinício das negociações do Acordo Coletivo de Trabalho, “interrompidas unilateralmente sem estarem concluídas”.

A “inação do Governo perante o crescendo das agressões aos enfermeiros, causadas pelo mau funcionamento dos serviços do Serviço Nacional de Saúde”, é outra das razões invocadas pela federação.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Federação de Sindicatos de Enfermeiros marca greve nacional para dia 31

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião