Baixa de Lisboa com acesso limitado a carros a partir do verão

  • ECO
  • 31 Janeiro 2020

A partir de junho, apenas residentes, lojistas, transportes públicos e veículos elétricos terão autorização para circular na Baixa. Medida insere-se no âmbito de Lisboa Capital Verde Europeia.

A circulação rodoviária de parte da Avenida da Liberdade, Baixa e Chiado vai estar limitada aos residentes e transportes públicos já a partir de junho, das 06h30 às 00hh00. O anuncio foi feito esta sexta-feira Câmara Municipal de Lisboa durante a apresentação do programa de Zonas de Emissões Reduzidas de Lisboa.

Estas zonas vão fazer parte da zona de emissões reduzida, o que implica uma limitação da circulação de viaturas. Segundo, as declarações do presidente da autarquia, Fernando Medida, transmitidas em streaming pelo Youtube, estas alterações têm em vista cumprir “as ambiciosas metas a que Lisboa se propôs”.

Na prática, só poderão circular os residentes ou lojistas que tenham um dístico no carro ou pessoas portadoras com cartão de estacionamento de deficientes. No que toca aos residentes, estes poderão receber convidados, num máximo de dez convites por mês.

Além disso, estarão autorizados a circular veículos autorizados, como transportes públicos ou serviços públicos essenciais, sendo que só poderão circular viaturas posteriores a 2000. Os veículos elétricos não terão qualquer restrição. No fundo, segundo Fernando Medina, haverá “mais espaço público, menos espaço para o automóvel, mas mais qualidade de vida para os residentes”.

Contas feitas serão menos 40 mil veículos a circular, o que representa uma redução de cerca de 60 mil toneladas de dióxido de carbono, refere a autarquia. “É uma redução significativa da poluição, que ataca todos, mas sobretudo as crianças, que respiram muito mais do que nós, porque o fazem muito mais vezes”, aponta Medina.

A Câmara Municipal de Lisboa anunciou outras medidas por forma a responder a uma capital “mais verde”, com passeios mais amplos, mais ciclovias, menos faixas de rodagem e estacionamento. Haverá ainda ruas em que apenas se poderá circular a pé e outras com trânsito fortemente condicionado.

Comentários ({{ total }})

Baixa de Lisboa com acesso limitado a carros a partir do verão

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião