Primeiro-ministro avisa que descida do IVA da luz “não tem sustentação” no OE

  • Lusa
  • 1 Fevereiro 2020

O primeiro-ministro avisa o PSD e os partidos da esquerda de que uma eventual redução do IVA da eletricidade "não tem sustentação" no Orçamento do Estado.

O primeiro-ministro, António Costa, considerou que as propostas de redução do IVA da eletricidade “não têm sustentação no Orçamento”, porque configuram uma medida “socialmente injusta e ambientalmente irresponsável”.

Numa entrevista ao Jornal de Notícias que será publicada no domingo, António Costa comenta as propostas do PSD, BE e PCP para baixar o IVA da luz, insistindo que “podem ser muito populares, mas são irresponsáveis do ponto de vista ambiental e social”.

“A redução do IVA sem critério pode ser muito popular, mas é irresponsável do ponto de vista ambiental. Não podemos definir o combate às alterações climáticas como a grande prioridade e depois dizer que reduzir o IVA sem critério é uma grande medida”, argumentou.

Relativamente à proposta do PSD, António Costa considerou mesmo ser “violadora da legislação comunitária”, uma vez que, na sua perspetiva, “não está orçamentalmente compensada e, do ponto de vista ambiental, é absolutamente irresponsável e socialmente injusta”.

Confrontado com um possível acordo entre o PSD, Bloco de Esquerda e PCP para baixar o IVA da luz, em vésperas de votação do orçamento, António Costa recusou-se a “especular”, ressalvando, contudo, que “as propostas têm boas razões para não serem aprovadas”. “O que manda o bom senso é que os partidos aprovem e viabilizem aquilo que o Governo propôs”, concluiu.

PSD, BE e PCP apresentaram propostas para baixar o IVA da eletricidade de 23% para 6%, embora com soluções diferentes para compensar o impacto fiscal da medida.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Primeiro-ministro avisa que descida do IVA da luz “não tem sustentação” no OE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião