40 deputados do PS estão contra subida do IVA das touradas, mas vão respeitar disciplina de voto

Cerca de 40 deputados da bancada socialista dizem-se contra as propostas apresentadas no sentido de aumentar o IVA aplicado aos espetáculos tauromáquicos.

Cerca de 40 deputados da bancada socialista dizem-se contra as propostas apresentadas para aumentar o IVA aplicado aos espetáculos tauromáquicos. Ainda assim, os parlamentares garantem que vão respeitar a disciplina de voto relativa ao Orçamento do Estado, votando contra as propostas de alteração entretanto apresentadas.

Na proposta de Orçamento do Estado para 2020, o Governo incluiu a subida do IVA nas touradas da atual taxa mínima de 6% para 23%. É contra esta medida que estão alguns deputados do PS. “Portugal é feito de um conjunto de tradições, de percursos e de inovações, num quadro de memória e respeito pelas comunidades locais e pela cultura popular. É, por isso, absolutamente contraditório com estas realidades a imposição de uma ‘cultura do gosto’“, defendem.

Aos jornalistas, este grupo de socialistas frisou que o que está em causa é uma medida fiscal que reflete uma “posição de preconceito relativamente a uma vertente da cultura popular portuguesa”.

Apesar das críticas, estes cerca de 40 deputados asseguram que vão votar a favor da medida incluída no Orçamento do Estado face à disciplina de voto, chumbando apenas as propostas de alteração apresentadas por outros partidos. Os parlamentares consideram, por outro lado, que esta matéria não fica fechada. “Não acaba aqui”, rematam.

(Notícia atualizada às 15h24)

Comentários ({{ total }})

40 deputados do PS estão contra subida do IVA das touradas, mas vão respeitar disciplina de voto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião