Bernie Sanders dá Serviço Nacional de Saúde de Portugal como exemplo em campanha

O candidato às primárias democratas, Bernie Sanders, defende a criação de um serviço universal de cuidados de saúde nos EUA. E justificou a ideia com o exemplo de 27 países, incluindo o de Portugal.

O senador norte-americano Bernie Sanders, candidato às primárias do Partido Democrata, deu como exemplo o Serviço Nacional de Saúde de Portugal para argumentar contra os críticos, que consideram que o sistema universal de cuidados de saúde proposto por Sanders é uma “ideia maluca”.

No Twitter, o candidato a ser escolhido pelos democratas para cabeça de lista nas próximas presidenciais, publicou uma extensa lista de 27 países de todo o mundo, todos eles com serviços de saúde públicos que prestam cuidados aos respetivos cidadãos. Entre eles o Serviço Nacional de Saúde português.

Bernie Sanders, que concorre contra nomes como Pete Buttigieg, Joe Biden, Michael Bloomberg e Elizabeth Warren nas primárias do partido, tem proposto a criação de um serviço de saúde nos EUA, um plano que ficou conhecido por “Medicare for All”. O objetivo é a prestação de cuidados de saúde a todos os cidadãos norte-americanos, independentemente dos rendimentos, a expensas governamentais.

Atualmente, os cidadãos norte-americanos têm de subscrever seguros de saúde que lhes garantam cobertura médica. Por isso, Sanders considera que o plano “Medicare for All” é a solução para resolver o problema dos muitos norte-americanos sem qualquer cobertura. No entanto, a medida também tem sido criticada por alguns adversários políticos, que consideram que é demasiado dispendiosa.

Comentários ({{ total }})

Bernie Sanders dá Serviço Nacional de Saúde de Portugal como exemplo em campanha

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião