Comissão Europeia cria plataforma para esclarecer todas as dúvidas sobre o coronavírus

  • ECO
  • 2 Março 2020

Bruxelas criou um site onde agrega várias informações sobre o surto de coronavírus, tais como estatísticas, artigos científicos e de opinião e um calendário de reuniões.

A Comissão Europeia elevou o nível de infeção do coronavírus de “moderado” para “elevado”, dado o aumento crescente do número de casos, dois dos quais em território nacional. Face a este cenário, para tranquilizar as pessoas, Bruxelas decidiu reunir uma task force para acompanhar este surto, mas também criar uma plataforma para esclarecer todas as dúvidas que possam surgir, onde estarão também dados atualizados.

“A Comissão Europeia está a trabalhar em todas as frentes para unir esforços e combater o surto de coronavírus (Covid-19). Isso inclui a coordenação contínua com os Estados-Membros para partilhar informações, avaliar necessidades e garantir uma resposta coerente em toda a União Europeia (UE)”, lê-se na plataforma lançada esta segunda-feira.

No site podem consultar-se informações sobre esta equipa de trabalho, composta por cinco comissários europeus — Gestão de Crises, Saúde, Fronteiras, Transportes e Economia –, mas também recomendações médicas, para os viajantes e para quem se preocupa com a economia.

É possível consultar números para os Estados-membros da UE, mas também para o Reino Unido, Mónaco, San Marino e Suíça. De acordo com a informação que consta no site, há, até ao momento, 2.199 casos contabilizados nesta região, dos quais 38 referem-se a mortes. A Itália lidera com 1.689 casos confirmados e 35 mortos. Contudo, embora os dados sejam atualizados esta segunda-feira, ainda não constam os dois casos confirmados em Portugal. Mas há também números a nível mundial.

O site tem ainda vários artigos científicos e de opinião, estudos e links para vários sites de organizações médicas. Permite ainda consultar as datas das próximas reuniões sobre o tema, como por exemplo esta quarta-feira, que acontecem dois encontros.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Comissão Europeia cria plataforma para esclarecer todas as dúvidas sobre o coronavírus

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião