BP vai eliminar 10.000 empregos. Corta 15% dos postos de trabalho

  • ECO
  • 8 Junho 2020

A petrolífera com sede em Londres vai eliminar 10.000 postos de trabalho, a maioria ainda este ano, o que corresponde a cerca de 15% dos efetivos.

A BP está a planear cortar até 15% dos postos de trabalho, a esmagadora maioria até ao final deste ano. Em causa está uma redução de 10.000 trabalhadores de um total de 70.100 trabalhadores, como forma de face aos efeitos da pandemia do coronavírus, avança a Reuters, que cita fontes da empresa.

Segundo a agência, Bernard Looney, presidente executivo da companhia, anunciou a decisão através de uma chamada interna com os trabalhadores em todo o mundo. Para além desta redução, a empresa já tinha anunciado em abril uma corte de 25% nas despesas, uma vez que a pandemia de coronavírus resultou na queda da procura de petróleo.

A decisão, que surge também um mês depois de a empresa ter reduzido para metade a dimensão da equipa de gestão, estará ainda relacionada com um plano de Bernard Looney para melhorar a agilidade da petrolífera britânica, que tem 111 anos de existência. Esse plano deverá passar por uma maior aposta nas energias renováveis.

(Notícia atualizada pela última vez às 14h03)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BP vai eliminar 10.000 empregos. Corta 15% dos postos de trabalho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião