Empark investe três milhões para ter carregadores de veículos elétricos em 31 parques

Até agora, já foram inaugurados 33 postos de carregamento em seis parques de estacionamento de Lisboa, estando previsto mais 48 noutros sete parques, na capital, em Cascais e no Porto.

A Empark, empresa de estacionamento e mobilidade que opera em Portugal e Espanha, anunciou esta sexta-feira que vai investir três milhões de euros até 2022 em postos de carregamento elétrico em 31 dos seus parques, distribuídos por 10 concelhos do país. O grupo já anunciou que há também um projeto semelhante em curso em Espanha.

Até agora, já foram inaugurados 33 postos de média tensão (até 31 amperes) em seis parques de estacionamento de Lisboa — Campolide, Marquês de Pombal, Alexandre Herculano, Saldanha, Valbom e Berna –, num investimento que se aproxima dos 250 mil euros, informou o grupo em comunicado.

De acordo com Paulo Nabais, diretor geral da Empark Portugal, estes postos de carregamento estão incluídos na rede Mobi-e, na qual o carregamento de veículos elétricos em postos de carregamento normal de acesso público começa a ser pago já a 1 de julho, anunciou a gestora da mobilidade elétrica Mobi.E. Os postos de carregamento rápido, bem como os carregadores localizados em espaços privados já tinham iniciado a cobrança deste serviço, respetivamente, em 1 de novembro de 2018 e 1 de abril de 2019.

“Neste momento estão já em curso os trabalhos de instalação de mais 48 postos de carregamento em sete novos parques que serão colocados à disposição do público até final de julho”, informou o mesmo responsável. De acordo com a Empark, Os novos parques a receber postos de carregamento elétrico são: Restauradores, Mercado da Ribeira, Av. de Roma, Campo dos Mártires da Pátria, Alves Redol (em Lisboa), Largo da Estação (em Cascais), e Brasília (no Porto).

O objetivo da empresa é equipar, até ao final da primeira metade de 2022, os parques de estacionamento em mais nove concelhos: Porto, Albufeira, Amadora, Barreiro, Cascais, Fundão, Leiria, Portimão e Vila Nova de Gaia.

“Queremos oferecer pontos de carregamento ‘off-street’ em todos os parques onde exista disponibilidade de energia”, adiantou o responsável no mesmo comunicado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Empark investe três milhões para ter carregadores de veículos elétricos em 31 parques

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião