Estados Unidos vão impor restrições de visto a vários responsáveis da Huawei

  • Lusa
  • 15 Julho 2020

Imposições serão impostas aos responsáveis de empresas que derem "apoio material a regimes que cometem violações aos direitos humanos em todo o mundo".

Os Estados Unidos vão impor restrições aos vistos a vários responsáveis do gigante chinês de telecomunicações Huawei, acusado por Washington de potencial espionagem em benefício de Pequim, anunciou esta quarta-feira o secretário de Estado norte-americano.

Segundo Mike Pompeo, que falava numa conferência de imprensa, as restrições afetam não só responsáveis da Huawei como também de outras empresas chinesas que concedam “apoio material” aos governos de todo o mundo que cometam violações aos direitos humanos.

“O Departamento de Estado [norte-americano] vai impor restrições aos vistos a vários funcionários de empresas tecnológicas chinesas, como a Huawei, por darem apoio material a regimes que cometem violações aos direitos humanos em todo o mundo”, sublinhou Mike Pompeo.

O chefe da diplomacia norte-americana, por outro lado, saudou a decisão do Governo britânico de cortar os laços com a empresa chinesa e anunciou que visitará o Reino Unido e a Dinamarca na próxima semana.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Estados Unidos vão impor restrições de visto a vários responsáveis da Huawei

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião