Ministra da Saúde a par da situação atual? “Não sei se está, sinceramente”, diz bastonário da Ordem dos Médicos

  • ECO
  • 19 Julho 2020

O bastonário da Ordem dos Médicos não sabe se a ministra da Saúde está a par da gravidade de situação e defende que os médicos não precisam de prémios, mas sim de ser valorizados.

O bastonário da Ordem dos Médicos não poupou as críticas à ministra da Saúde, afirmando não saber se Marta Temido está a par da gravidade da situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Em entrevista ao Jornal de Negócios/Antena 1, Miguel Guimarães alertou para a atual situação dos médicos e defendeu a criação de um programa para recuperar os atrasos nas consultas e cirurgias que a pandemia provocou.

Miguel Guimarães adianta que, em março, abril e maio foram realizadas menos três milhões de consultas nos cuidados primários (-57%), menos 900 mil consultas nos hospitais (-38%) e menos 93 mil cirurgias (-44%). Sobre estes números, o bastonário dos médicos diz que é “urgente” recuperar estes atrasos, afirmando que o que a ministra da Saúde está a fazer não é suficiente. Para isso, defende a criação de um “programa excecional” que recupere os atrasos nas consultas, cirurgias e meios de diagnóstico que ficaram por fazer durante a pandemia.

Mas o bastonário alertou também para a situação dos médicos no país, que “precisam de parar”, caso contrário isso “pode ter consequências desastrosas” para os próprios e para os doentes. Miguel Guimarães nota que o primeiro-ministro esteve e continua a estar bem na condução desta pandemia, mas o mesmo não acontece com a ministra da Saúde, que não ouve as recomendações dos médicos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ministra da Saúde a par da situação atual? “Não sei se está, sinceramente”, diz bastonário da Ordem dos Médicos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião