PSP passa mais de uma multa por hora por causa da Covid-19

  • ECO
  • 28 Julho 2020

Consumo de bebidas alcoólicas na via pública foi responsável por quase metade das multas passadas no último mês por violação das regras de contenção da Covid-19.

Com a Covid-19 veio o confinamento. Depois, com o desconfinamento vieram regras para tentar conter a propagação do novo coronavírus, mas nem todos as acataram. A PSP emitiu 825 contraordenações no último mês, de acordo com dados do Ministério da Administração Interna enviados à TSF (acesso livre).

Estas 825 contraordenações emitidas entre 27 de junho e 27 de julho, significam que as autoridades passaram mais de uma multa por cada hora, em resultado de infrações às regras definidas para travar o vírus. Essas coimas variam entre os 100 e 500 euros para particulares e podem chegar a 5.000 euros para as empresas.

Segundo dados citados pela TSF, o consumo de bebidas alcoólicas na via pública foi responsável por quase metade dessas multas: 389 multas por beber álcool na rua. Além do consumo de álcool na rua, o incumprimento do uso obrigatório de máscaras ou viseiras foi responsável por 23% das multas, quer nos transportes públicos, quer em estabelecimentos comerciais. Já a sobrelotação nos transportes públicos deu origem a apenas três multas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

PSP passa mais de uma multa por hora por causa da Covid-19

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião