Ventura afasta Marcelo de marca histórica nas presidenciais

  • ECO
  • 18 Agosto 2020

Sondagem da Intercampus revela aumento das intenções de voto no líder do Chega, com Marcelo a descer do patamar dos 70%.

André Ventura está a subir nas intenções de voto para as presidenciais. A sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã, CMTV e Jornal de Negócios (acesso pago) coloca-o no segundo lugar das preferências dos portugueses como próximo inquilino de Belém, atrás de Marcelo Rebelo de Sousa. Atual presidente cai da marca dos 70%.

O líder do Chega surge com 10,1% das intenções de voto nas presidenciais, o dobro dos 5% obtidos em julho. Deu um salto nesta sondagem, afastando Marcelo da marca histórica em termos de eleições presidenciais alcançada, em 1991, por Mário Soares (70,35%).

Marcelo perde praticamente três pontos percentuais face aos 70,8% de julho para se fixar em 67,7%, enquanto a potencial candidata da área socialista, Ana Gomes, passa de 9,7% no mês passado para 8,7% em agosto. Marisa Matias (BE) e Jerónimo de Sousa (PCP) mantêm praticamente as mesmas percentagens: 4,2% e 2,5%, respetivamente.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ventura afasta Marcelo de marca histórica nas presidenciais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião