Governo tem “abertura sem restrição” para negociar plano de recuperação, diz ministro do Planeamento

O ministro do Planeamento assegura que o Executivo só irá tomar as decisões finais sobre o plano de recuperação depois de ouvir os partidos e outras entidades nacionais.

O ministro do Planeamento garante que a abertura do Executivo para negociações para mexer no Plano de Recuperação e Resiliência é “uma abertura sem restrição”. Arrancaram esta segunda-feira as reuniões do Governo com os partidos para discutir o plano para o país, após a pandemia, construído a partir da “Visão Estratégica” de António Costa Silva.

“Estamos neste momento a preparar a proposta, portanto estamos a ouvir os partidos e outras entidades e apenas no final tomaremos decisões definitivas”, garantiu Nelson de Souza, em declarações transmitidas pelas televisões. O ministro aponta que o documento que existe é um “esboço de trabalho”, sendo que o que foi divulgado agora foram as “linhas gerais”.

Já quando questionado sobre as condições políticas para a execução do plano, Nelson de Souza reitera que “se trata de um desafio enorme para todos, para o Governo mas também para o conjunto do país”. Desta forma, existe uma “consciência de esforço, energia, criatividade” que a todos os atores o processo irá “convocar”.

Ainda neste sentido, o ministro adianta que “é em conjunto que queremos trabalhar com todos e aqueles que estiverem disponíveis para o fazer”, acrescentando que, nas reuniões desta manhã, encontraram “disponibilidade de forma genérica e espírito de cooperação”. Depois das reuniões com os partidos, o Governo irá também ouvir outras entidades, nomeadamente o Conselho Económico e Social e a concertação territorial.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo tem “abertura sem restrição” para negociar plano de recuperação, diz ministro do Planeamento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião