Energia e retalho atiram PSI-20 para terreno negativo em dia de correções na Europa

A bolsa de Lisboa fechou no vermelho, num dia que ficou marcado por problemas técnicos nas plataformas da Euronext que levaram a que a negociação fosse interrompida durante a manhã.

O dia foi de correções para as principais praças europeias e Lisboa não foi exceção. Com os pesos-pesados da energia e do retalho em terreno negativo, o PSI-20 fechou no vermelho, tendo perdido 0,23% para 4.218,50 pontos. A sessão ficou ainda marcada por problemas técnicos, que afetaram as plataformas da Euronext levando que a negociação fosse interrompida temporariamente durante a manhã.

As bolsas arrancaram o dia positivas, entusiasmadas pela perspetiva de estímulos nos EUA e a possibilidade de haver uma vacina contra a Covid-19 nos próximos meses. Mas os ganhos moderados acabaram por não durar e apenas o espanhol IBEX 35 se manteve em terreno positivo no fecho da sessão, tendo valorizado 0,15%. O Stoxx 600 recuou 0,16%, enquanto o alemão DAX cedeu 0,42% e o francês CAC 40 perdeu 0,15%.

Lisboa foi contagiada e acompanhou as perdas, especialmente devido ao grupo EDP. A casa-mãe tombou 1,16% para 4,498 euros, enquanto a eólica EDP Renováveis desvalorizou 2,12% para 16,64 euros, num movimento de correção após os fortes ganhos da semana passada. Também a Sonae (que perdeu 0,38% para 0,526 euros) e a Jerónimo Martins (que recuou 0,34% para 14,525 euros) pesaram no índice.

Em sentido contrário, as cotadas do papel — mais expostas à possibilidade de estímulos nos EUA — lideraram os ganhos. A Semapa subiu 2,26% para 7,25 euros, a Altri avançou 1,99% para 3,80 euros e a Navigator ganhou 0,88% para 2,062 euros. Em simultâneo, também os ganhos da Nos (1,69%), do BCP (0,39%) e da Galp Energia (0,12%) evitaram perdas superiores do PSI-20.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Energia e retalho atiram PSI-20 para terreno negativo em dia de correções na Europa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião