Sonae Sierra investe oito milhões em novo espaço “premium” no NorteShopping

  • Lusa
  • 21 Outubro 2020

Neste novo espaço com 5.000 metros quadrados estão várias marcas de topo, algumas das quais que se estrearam agora em Portugal.

A Sonae Sierra investiu oito milhões de euros num novo espaço premium de compras e lazer no NorteShopping, em Matosinhos, a inaugurar na quinta-feira, concluindo o projeto de expansão daquele centro comercial, num investimento total de 77 milhões.

Em comunicado, a Sonae Sierra adianta que o GALLERIA “materializa um conceito inédito e inovador em Portugal, com um posicionamento premium e uma oferta distintiva, acolhendo marcas como a Maybach, Twin-Set, Max Mara WeekEnd, Hugo Boss, Polo Ralph Lauren, Gant, Adolfo Dominguez, Roberto Verino, Furla, Elements, Arcádia, Tommy Hilfiger, Maje, Sandro e Claudie Pierlot”.

O novo espaço representa um investimento de oito milhões de euros e assinala a conclusão do projeto de expansão do NorteShopping, iniciado em 2017 e que envolveu um investimento global de 77 milhões de euros, permitindo criar cerca de 800 postos de trabalho diretos e aumentar a área bruta locável do centro comercial em 13.000 metros quadrados.

Localizado no piso 1 do centro comercial, o GALLERIA é apresentado como “um espaço elegante, sofisticado, com personalidade e um ambiente visualmente estimulante, onde os visitantes podem desfrutar de uma experiência de compras e de lazer única, com um mix de marcas de topo”. Ocupa um espaço de cerca de 5.000 metros quadrados e tem 18 lojas e quatro quiosques, sendo que as lojas “são as mais altas alguma vez criadas pela Sonae Sierra, graças à passagem dos cinemas do NorteShopping para o piso 2, que deixaram espaço disponível no centro do piso 1”.

Algumas das marcas representadas no novo espaço entram pela primeira vez em Portugal, como é o caso da Twin-Set, Claudie Pierlot e Maybach, enquanto outras, como Sandro, MaxMara Weekend e o bar de champanhe Bubbles&Pearls, apresentam o seu primeiro conceito adaptado a um centro comercial.

Citado no comunicado, o administrador responsável pela área de Gestão de Ativos da Sonae Sierra explica que este investimento se enquadra na estratégia da empresa de “melhoria contínua e consistente de ativos, de reforço da oferta comercial e de criação de espaços inovadores de interação social”, de forma a adaptar os seus centros “às novas tendências de consumo e dinâmicas sociais”.

Estas iniciativas são também muito valorizadas pelos nossos investidores, financiadores e lojistas, que demonstraram, desde a primeira hora, um grande compromisso com todo este projeto e com a capacidade da Sonae Sierra para desenvolver e gerir esta iniciativa, cujo resultado excedeu as expectativas iniciais”, refere Alexandre Fernandes.

Entre as principais alterações introduzidas com o agora concluído projeto de expansão do NorteShopping destacam-se um novo food court; a expansão do piso 1 com um novo ‘lobby’, onde se concentram algumas lojas do grupo Inditex; a expansão do piso 0 e a criação de cinemas novos, “com tecnologia de ponta a nível de som e projeção”.

A Sonae Sierra diz ainda ter aproveitado a expansão e renovação do NorteShopping para introduzir melhorias ao nível da sustentabilidade, nomeadamente relacionada com a iluminação e a eficiência energética das escadas e elevadores, assim como melhorias nos acessos rodoviários ao centro.

O jornalismo continua por aqui. Contribua

Sem informação não há economia. É o acesso às notícias que permite a decisão informada dos agentes económicos, das empresas, das famílias, dos particulares. E isso só pode ser garantido com uma comunicação social independente e que escrutina as decisões dos poderes. De todos os poderes, o político, o económico, o social, o Governo, a administração pública, os reguladores, as empresas, e os poderes que se escondem e têm também muita influência no que se decide.

O país vai entrar outra vez num confinamento geral que pode significar menos informação, mais opacidade, menos transparência, tudo debaixo do argumento do estado de emergência e da pandemia. Mas ao mesmo tempo é o momento em que os decisores precisam de fazer escolhas num quadro de incerteza.

Aqui, no ECO, vamos continuar 'desconfinados'. Com todos os cuidados, claro, mas a cumprir a nossa função, e missão. A informar os empresários e gestores, os micro-empresários, os gerentes e trabalhadores independentes, os trabalhadores do setor privado e os funcionários públicos, os estudantes e empreendedores. A informar todos os que são nossos leitores e os que ainda não são. Mas vão ser.

Em breve, o ECO vai avançar com uma campanha de subscrições Premium, para aceder a todas as notícias, opinião, entrevistas, reportagens, especiais e as newsletters disponíveis apenas para assinantes. Queremos contar consigo como assinante, é também um apoio ao jornalismo económico independente.

Queremos viver do investimento dos nossos leitores, não de subsídios do Estado. Enquanto não tem a possibilidade de assinar o ECO, faça a sua contribuição.

De que forma pode contribuir? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

Obrigado,

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Sonae Sierra investe oito milhões em novo espaço “premium” no NorteShopping

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião