Fórum para a Competitividade vê PIB a cair até 12% em 2020

O Fórum continua mais pessimista do que o Governo, antecipando uma contração económica que poderá ir de 9% a 12% este ano.

O Fórum para a Competitividade atualizou as suas previsões económicas apontando para uma recessão mais forte do que antecipada pelo Governo: o PIB deverá cair entre 9% a 12% em 2020, de acordo com o relatório das perspetivas empresariais relativas ao terceiro trimestre divulgado esta quinta-feira. Anteriormente, o Fórum antevia uma contração entre 9% a 15%.

Para 2020, o Fórum para a Competitividade, estima que a variação do PIB se situará entre -9% e -12%”, lê-se no documento publicado esta manhã. O Fórum está assim menos pessimista quanto à crise pandémica este ano, mas continua com previsões piores do que as do Governo. No Orçamento do Estado para 2021, o Executivo prevê uma contração de -8,5%.

Na opinião do Fórum, a recuperação do PIB no terceiro trimestre “terá sido modesto” face às expectativas e no quarto trimestre há riscos acrescidos: “No quarto trimestre, com a reposição de restrições à circulação e à atividade, há a possibilidade de um retrocesso“, antecipa o diretor do Gabinete de Estudos do Fórum para a Competitividade, Pedro Braz Teixeira.

Para 2021 apenas são referidas as previsões de outras instituições que apontam para uma recuperação entre 5% a 6%. Apesar de reconhecer que a OCDE e o FMI revelaram previsões “menos pessimistas”, o Fórum recorda que o FMI prevê uma recuperação “longa, desigual e incerta”. Assim, “está cada vez mais afastada a hipótese da retoma em ‘V’“, até porque há “receio de recaídas, como a que se verifica já na Europa, que lança dúvidas sobre o ritmo da recuperação”.

Relativamente ao mercado de trabalho, o Fórum avisa que “as perspetivas de uma retoma mais lenta — quer em 2020 quer nos anos seguintes –, em particular no turismo, deverão conduzir a novas subidas da taxa de desemprego“.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Fórum para a Competitividade vê PIB a cair até 12% em 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião