Privados vão reforçar transportes de Lisboa e Porto por 1,5 milhões de euros

  • ECO
  • 4 Novembro 2020

O Governo vai assinar contratos de três meses com operadores privados da área do turismo para reforçar a oferta de transportes públicos no Porto e em Lisboa.

Os transportes públicos das áreas metropolitanos do Porto e de Lisboa vão ser reforçados com a contratação de operadores rodoviários privados, nomeadamente de turismo, que estão neste momento parados. De acordo com o Jornal de Negócios, que cita o secretário de Estado da Mobilidade, serão assinados contratos no valor de 1,5 milhões de euros com a duração de três meses.

O reforço será feito com operadores privados, com autocarros de turismo que estão neste momento parados, alguns deles há algum tempo por uma grande redução desse mesmo serviço no país”, explicou o ministro do Ambiente, em declarações à RTP3.

“O que estamos a fazer é financiar as áreas metropolitanas porque, estando elas muito mais perto do território, são quem — melhor do que o Governo — sabe, não só, onde é que os problemas existem, como têm uma maior flexibilidade de responder a esses problemas”, acrescentou Matos Fernandes.

Para isso, e de acordo com o Negócios, serão assinados contratos de três meses no valor de 1,5 milhões de euros, uma verba que será canalizada através do Fundo Ambiental e dividida em partes iguais pelo Porto e por Lisboa. O objetivo é contratar 375.000 quilómetros de transporte rodoviário, permitindo transportar um milhão de passageiros em cada uma das duas regiões.

Este reforço da oferta será feito na operação da STCP (Porto) e na Linha de Sintra da CP, na Fertagus e no Metro Sul do Tejo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Privados vão reforçar transportes de Lisboa e Porto por 1,5 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião