BCE reitera que retoma económica só em 2022 e “enfraquecida”

  • Lusa
  • 23 Novembro 2020

“Enquanto a vacina não for massivamente distribuída, ficaremos num período de incertezas. A vacina traz principalmente uma perspetiva para o final do próximo ano e para 2022", diz economista-chefe.

O economista-chefe do Banco Central Europeu (BCE), Philip Lane, considera que o Produto Interno Bruto (PIB) europeu não deverá voltar ao nível de 2019 antes do outono de 2022.

“O que estamos a observar é que é a circulação do vírus que inevitavelmente constrange o comportamento do consumidor, mais do que as próprias medidas de contenção. A questão é conseguir saber é quanto tempo isso vai durar”, afirmou o economista irlandês, em entrevista ao jornal francês Les Echos.

Segundo Philip Lane, nas últimas semanas de 2020 não deverão ser registadas melhorias na economia.

Enquanto a vacina não for massivamente distribuída, ficaremos num período de incertezas. A vacina traz principalmente uma perspetiva para o final do próximo ano e para 2022. Não para os próximos seis meses”, adiantou.

Apesar disso, o economista considerou que mesmo com a vacina, os danos económicos serão duradouros. “O PIB não vai voltar ao patamar de 2019 antes do outono de 2022. Haverá efeitos de longo prazo, por exemplo tanto confiança e na economia, como no regresso ao trabalho. A economia europeia sairá desta crise duramente enfraquecida”, concluiu.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

BCE reitera que retoma económica só em 2022 e “enfraquecida”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião