Passos acusa Governo de passar “fatura” por “muitos anos” aos contribuintes devido à TAP

  • ECO
  • 18 Dezembro 2020

O ex-primeiro-ministro critica a atuação do Governo no apoio à companhia aérea. Responsável pela privatização da companhia aérea em 2016, considera que deviam ser os acionistas privados a intervir.

O ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho criticou a atuação do Governo no apoio público à TAP, dizendo que o sucessor António Costa está a desrespeitar os contribuintes. O regresso do social-democrata aconteceu, esta sexta-feira, na conferência “Globalização em Português: Revoluções e Continuidades Africanas”, evento que serviu para comemorar os 150 anos do nascimento do empresário Alfredo da Silva, fundador do Grupo CUF, de acordo com a Renascença (acesso livre) e o Expresso (acesso livre).

Esta fatura que o Governo se prepara para endossar vai ser suportada por muitos anos, por muitos governos e demasiados contribuintes, a quem o Estado não vê hoje com respeito nem parcimónia”, disse Passos Coelho, que foi responsável pela privatização da companhia aérea em 2016. Considera, por isso, que deviam ser os acionistas privados a intervir. “Agora que a TAP está ameaçada na sua sustentabilidade, em vez de serem os privados, que arriscaram investir na privatização, a responderem pelos resultados perante a banca e as empresas de leasing, entre outros credores, são o Estado e os contribuintes quem têm de assumir os prejuízos”.

O antigo líder do PSD apontou ainda um imbróglio “emblemático da insustentável leveza da irresponsabilidade pública na condução do interesse coletivo”. As críticas de Passos Coelho são feitas um dia depois de Aníbal Cavaco Silva ter feito declarações semelhantes, em entrevista ao Observador (acesso pago), apontando “grandes erros” ao Governo socialista, sendo a atuação do atual Governo na TAP um desses. “Foi um erro muito grande” a jogada “meramente político-ideológica” de o Estado querer ficar com 50% da TAP, defendeu.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Passos acusa Governo de passar “fatura” por “muitos anos” aos contribuintes devido à TAP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião