Nas notícias lá fora: Santander, China e Sanofi

Santander vai encerrar mais de mil agências, enquanto Sanofi compra fabricante de anticorpos Kymab por 1,45 mil milhões de dólares. China com mais de uma centena de casos, valor mais alto desde julho.

O coronavírus continua a marcar a atualidade internacional. Em Espanha, o Banco Santander vai encerrar mais de mil agências entre fevereiro e julho deste ano. Em Itália, o Presidente Sergio Mattarella apelou aos partidos para aprovarem o plano de recuperação da União Europeia (UE) antes de enfrentarem uma crise política que se aproxima. O número de contágios por Covid-19 está a aumentar a uma escala global, sendo que a China enfrenta o valor mais alto desde julho do ano passado. A empresa farmacêutica Sanofi acaba de comprar o fabricante de anticorpos Kymab por 1,45 mil milhões de dólares. A nível tecnológico, a operadora de telecomunicações sueca Tele2 escolheu a Nokia para a rede central 5G.

Expansión

Santander arranca em fevereiro com encerramento de mil agências

O Banco Santander, que acaba de iniciar um programa de despedimentos coletivos por razões financeiras, anunciou que entre fevereiro e julho de 2021 fechará 1.033 balcões em Espanha. Estes encerramentos vão afetar 3.600 empregados e vão reduzir a sua rede para cerca de 2.000 agências. Em 2019 Santander fechou 1.150 agências para eliminar a duplicação após a absorção do Banco Popular.

Leia a notícia completa no Expansión (acesso pago, conteúdo em espanhol)

U.S.News

Itália pede aos partidos que aprovem Plano de Recuperação da UE antes de qualquer crise

O Presidente italiano, Sergio Mattarella, apelou aos partidos para aprovarem o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) da União Europeia antes de enfrentarem uma crise política que se aproxima. O primeiro-ministro Giuseppe Conte vai defrontar o seu parceiro de coligação e antigo primeiro-ministro Matteo Renzi o que poderá derrubar o Governo. O pequeno partido Italia Viva de Renzi, cujos deputados sustentam a maioria parlamentar de Conte, apelou a mudanças radicais nos planos do Executivo com vista a relançar a economia.

Leia a notícia completa na U.S.News (acesso livre, conteúdo em inglês)

Financial Times

China com mais de uma centena de casos, valor mais alto desde julho

A Comissão de Saúde da China anunciou esta segunda-feira que identificou 103 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, o valor mais alto desde finais de julho, com 85 casos por contágio local. A maior partes dos casos locais (82) foram registados na província de Hebei, que circunda Pequim, onde foi detetado um novo surto. Desde então, as autoridades chinesas impuseram uma quarentena à capital, Shijiazhuang, com 11 milhões de habitantes, de pelo menos uma semana, e vão testar todos os residentes.

Leia a notícia completa no Financial Times (acesso livre, conteúdo em inglês)

Bloomberg

Sanofi compra fabricante de anticorpos Kymab por 1,45 mil milhões de dólares

A empresa farmacêutica Sanofi concordou em comprar o fabricante de anticorpos monoclonais Kymab no valor de 1,45 mil milhões de dólares (1,19 mil milhões de euros) para obter medicamentos experimentais para doenças inflamatórias. O fabricante francês de medicamentos ganhará direitos globais ao KY1005, um anticorpo monoclonal humano com um novo mecanismo de ação, afirmou em declaração. O medicamento desenvolvido por Cambridge tem o potencial de tratar uma variedade de doenças imuno-mediadas e distúrbios inflamatórios. A Sanofi quer reforçar o seu pipeline de novos medicamentos. No ano passado, concordou em gastar 3,4 mil milhões de dólares (2,8 mil milhões de euros) para a empresa americana de biotecnologia Principia Biopharma Inc. (Principia Biopharma Inc.).

Leia a notícia completa na Bloomberg (acesso condicionado, conteúdo em inglês)

Reuters

Tele2 da Suécia escolhe Nokia para a rede central 5G

A operadora de telecomunicações Tele2 vai estabelecer uma parceria com a Nokia da Finlândia para a implementação da sua rede central 5G na Suécia e no Báltico, avançou esta segunda-feira a operadora. “Estamos orgulhosos de expandir a nossa relação de longa data com a Tele2 à medida que avançamos para a era 5G”, disse Raghav Sahgal, Presidente da Nokia Cloud and NetworkServices, em comunicado.

Leia a notícia completa na Reuters (acesso livre, conteúdo em inglês)

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Nas notícias lá fora: Santander, China e Sanofi

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião