Morreram mais 167 pessoas por Covid-19, um recorde. Há 6.702 novos casos

Nas últimas 24 horas, foram identificados 6.702 novos casos de Covid-19 em Portugal. O número total de pessoas infetadas sobe para 556.503.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) identificou 6.702 novos casos de infeção por Covid-19 em Portugal, elevando para 556.503 o número de infetados desde o início da pandemia. Trata-se de uma subida diária de 1,22%. O número total de vítimas mortais subiu para 9.028, após terem sido registadas mais 166 mortes nas últimas 24 horas, um novo máximo.

Destes 166 novos óbitos referidos, 70 foram registados na região de Lisboa e Vale do Tejo, 42 na região Norte, 38 na região Centro, 14 no Alentejo e três no Algarve. Além disso, verifica-se ainda um abrandamento das novas infeções, à semelhança do que acontece normalmente às segundas-feiras. Dos 6.702 novos casos confirmados, 2.643 localizam-se em Lisboa e Vale do Tejo (39,4%), seguindo-se a região Norte, que contabilizou 2.109 novas infeções (31,5%). Há agora 135.886 pessoas (casos ativos) a lutarem contra a doença, mais 1.875 face ao balanço anterior.

Boletim epidemiológico de 18 de janeiro:

O Norte continua a ser a região com mais casos até ao momento (258.317 casos de infeção e 3.760 mortes), seguindo-se de Lisboa e Vale do Tejo (186.706 casos e 3.244 mortes), do Centro (74.568 casos e 1.440 mortes), do Alentejo (18.458 casos e 414 mortes) e do Algarve (12.699 casos e 122 mortes). Nas ilhas, os Açores registam 3.011 casos e 22 mortos, enquanto a Madeira tem 2.744 pessoas infetadas e 26 vítimas mortais.

Quanto à caracterização clínica, a maioria dos infetados está a recuperar em casa. Ainda assim, os números revelam ainda a pressão que está a ser exercida nos hospitais. Pela primeira vez, Portugal ultrapassou a barreira dos 5.000 infetados. No país, há agora 5.165 pessoas internadas (mais 276 face ao dia anterior), dos quais 664 em unidades de cuidados intensivos (mais 17). Há ainda 166.235 pessoas sob vigilância das autoridades de saúde, ou seja, mais 5.115 do que no balanço de domingo.

Os dados revelados pelas autoridades de saúde dão ainda conta de mais 4.660 recuperados, um número ligeiramente superior relativamente ao último balanço. No total, mais de 411 mil pessoas recuperaram da doença.

(Notícia atualizada às 14h33)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Morreram mais 167 pessoas por Covid-19, um recorde. Há 6.702 novos casos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião