Rui Rio apela ao Governo que feche as escolas

Em comunicado enviado às redações, o deputado acusa o Governo de um confinamento "permissivo" e de não ouvir o PSD.

O Presidente do PSD, Rui Rio, apelou esta quarta-feira ao Governo, que as escolas sejam fechadas “a partir de amanhã”. Em comunicado enviado às redações, o deputado acusa o Governo de um confinamento “permissivo” e de não ouvir o PSD.

“Não nos quis ouvir” indicou Rui Rio, referindo-se à possibilidade de adiamento das eleições presidenciais (marcadas para 24 de janeiro de 2021) e ao encerramento das escolas a partir do sexto ano.

Na opinião do líder dos sociais-democratas, o confinamento atual é “muito permissivo, sendo que o funcionamento pleno das escolas é o caso mais evidente dessa permissividade”.

Visto que o primeiro-ministro disse, esta quarta-feira, que o Governo vai reunir-se ainda esta tarde com epidemiologistas, Rui Rio espera que seja determinado “o encerramento das escolas a partir de amanhã.”

Na reunião desta quarta-feira estarão as ministras da Saúde e da Presidência, que vão depois encontrar-se com António Costa, quando este regressar de Bruxelas.

(Notícia atualizada às 18h56)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Rui Rio apela ao Governo que feche as escolas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião