Deutsche Bank investiga vendas fraudulentas a clientes portugueses

  • ECO
  • 25 Janeiro 2021

Banco alemão iniciou uma investigação interna a eventuais más práticas na comercialização de produtos financeiros. Clientes portugueses e espanhóis terão sido afetados por estas vendas fraudulentas.

O Deutsche Bank está a investigar alegadas más práticas na venda de produtos financeiros a clientes portugueses e espanhóis, anunciou o banco alemão este fim de semana.

“Iniciámos uma investigação em relação ao nosso envolvimento com um número limitado de clientes. Não podemos fazer comentários sobre os detalhes da investigação até que esteja finalizada”, disse um porta-voz do banco numa declaração citada pela Reuters.

De acordo com o Financial Times (acesso pago), o banco alemão estava a averiguar se os seus trabalhadores tiveram práticas desadequadas (misselling) na comercialização de produtos da banca de investimento mais sofisticados aos clientes, em violação das regras da União Europeia, investigando ainda um possível conluio para partilha de lucros entre os profissionais do banco de investimento e trabalhadores dos clientes empresariais.

A investigação interna foi desencadeada depois das queixas apresentadas por vários clientes no ano passado. Inicialmente, a investigação focou-se no mercado espanhol, que vendeu vários produtos financeiros, desde swaps a derivados.

A investigação foi depois alargada ao resto da Europa, embora apenas os clientes em Espanha e Portugal tenham sido afetados, segundo revelou uma fonte ao Financial Times.

Uma auditoria encontrou várias falhas na categorização de clientes empresariais ao abrigo da DMIF (Diretiva dos Mercados e Instrumentos Financeiros), que obriga os bancos a separarem os clientes pelos seus níveis de sofisticação financeira.

Várias fontes disseram ao Financial Times que o staff do banco sabia dessas práticas ilegais com a venda de produtos inapropriados ou desadequados aos clientes, que não sabiam o risco que estavam a assumir com esses investimentos.

O banco também está a investigar acusações de que houve conluio entre os seus empregados e os funcionários de alguns dos clientes que compraram os produtos inadequados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Deutsche Bank investiga vendas fraudulentas a clientes portugueses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião