Com uma bitcoin e uns “cêntimos” pode comprar um Tesla

Elon Musk abriu a porta à compra dos carros que fabrica com a mais conhecida das moedas virtuais. Basta uma e uns cêntimos para um Model 3, mas mesmo para o melhor de todos chegam quatro bitcoin.

Elon Musk está a revelar-se um grande defensor das moedas virtuais. Tem demonstrado o seu apoio às criptomoedas no Twitter, mas agora foi um pouco mais longe e pôs a Tesla a comprar bitcoin, abrindo a porta a investimentos noutras divisas deste tipo. A fabricante prepara-se ainda para aceitar que os seus clientes comprem um automóvel novo como estas moedas. E bastam, literalmente, algumas para sair do stand com um Tesla novo.

“Esperamos começar a aceitar bitcoin como forma de pagamento pelos nossos produtos num futuro próximo, sujeito às leis aplicáveis e inicialmente numa base limitada, que poderemos ou não liquidar assim que as recebermos.” Foi assim, no relatório anual submetido ao regulador norte-americano, a SEC, que Musk abriu a porta à compra dos carros elétricos que fabrica com esta que é a mais conhecida das moedas virtuais.

Há muito tempo que se podem comprar bens reais com moedas virtuais, tanto lá fora como cá dentro. Contudo, este é mais um passo em frente no processo de aceitação da bitcoin como uma forma de pagamento. E se a bitcoin já valia muito dinheiro, com esta bênção de Musk passou a valer muito mais. A moeda disparou para novos recordes, tendo chegado aos 44.900 dólares. É o equivalente a 37.300 euros.

Mas, então, quando pode custar um Tesla, em bitcoin? Não é certo que Musk permita um câmbio automático entre dólares ou euros e a moeda virtual. Mas, assumindo que o possa fazer, não será preciso ter muitas destas moedas para comprar um dos modelos da fabricante norte-americana de automóveis elétricos de alto desempenho.

Olhando para o preçário dos modelos da marca à venda em Portugal, percebe-se que, para comprar um Model 3 Standard Range Plus, de tração traseira, bastariam apenas 1,45 bitcoins para sair a guiar do showroom da Tesla. É o equivalente em bitcoin aos 54.084 euros pedidos pela marca através do seu site.

O Model 3 com autonomia prolongada e tração integral, equipado com o pack “Performance”, que custa 68.274 euros, exige um pouco mais, mas não chega às duas bitcoins (1,83), ao valor atual. Com pouco mais de duas bitcoins (2,44) já é possível subir de gama dentro da Tesla, trocando o 3 pelo famoso Model S, na versão de motor duplo e tração integral, que custa quase 91 mil euros. Ou optar, por 2,53 bitcoins (94.484 euros), pelo Model X Long Range, o SUV da marca norte-americana.

Mais potência, um pouco mais de bitcoins

A fatura para comprar um Tesla é sempre de dezenas de milhares de euros, com o modelo mais barato a estar acessível apenas a partir da fasquia dos 50 mil euros que são pouco mais de apenas uma bitcoin ao preço virtual. Mas, mesmo olhando para os modelos mais potentes, o custo medido em bitcoins é “baixo”.

O Model X na versão “Performance”, que é o topo de gama deste modelo, não chega às três bitcoins (2,93), apesar de custar quase 110 mil na moeda única da Zona Euro.

 

O mais caro de todos os Tesla exigirá que se tenha em carteira 3,78 destas moedas virtuais. Estas moedas serão suficientes para que possa sair do stand da marca com o Model S de motor triplo, com tração integral. O “Plaid+”, que custa 140.990 euros, é um desportivo com mais de 1.100 cavalos de potência, capaz de fazer os míticos 0 aos 100 km/h em menos 2,1 segundos e de chegar aos 322 km/h. A autonomia é de 837 km, mas será preciso ter algum tento no acelerador para a alcançar.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Com uma bitcoin e uns “cêntimos” pode comprar um Tesla

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião